PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Goiás vence o Botafogo e fica vivo na luta contra o rebaixamento

Do UOL, no Rio de Janeiro

13/02/2021 18h55

Classificação e Jogos

O Goiás segue vivo na briga contra o rebaixamento. Atuando em seus domínios, o Esmeraldino venceu hoje o lanterna Botafogo por 2 a 0 - gols de Rafael Moura e Fernandão -, e manteve esperança de permanência na elite do Campeonato Brasileiro. Caso o Bahia perca para o Atlético-MG hoje (13) e o Vasco seja derrotado pelo Internacional amanhã (14), os goianos ficarão a apenas um ponto de sair da zona de degola.

Vale lembrar que, na última rodada, o Goiás enfrenta o Vasco em São Januário (RJ). Um confronto direto nesta incômoda disputa.

Antes, porém, o Esmeraldino recebe o Red Bull Bragantino, no próximo domingo (21), pela penúltima rodada do Brasileirão. Já o Botafogo - que já está rebaixado - pega o São Paulo no Nilton Santos (RJ).

Goiás tomou as rédeas da partida

Precisando vencer a qualquer custo, o Goiás tomou as rédeas da partida e teve maior posse de bola, explorando as fragilidades do Botafogo. O Esmeraldino investiu no jogo aéreo e se beneficiou das "torres gêmeas" Fernandão e Rafael Moura.

Mal, Kanu é expulso

O zagueiro Kanu, assim como todo o sistema defensivo do Botafogo, foi mal. Para piorar, o defensor foi expulso pelo VAR no segundo tempo.

Rafael Moura matador

O experiente atacante mostrou mais uma vez que segue eficiente quando o assunto é bola na rede. Seu gol foi em uma de suas principais especialidades, a bola aérea.

He-Man abre o placar

Após cruzamento da esquerda de Vinícius, Rafael Moura subiu mais alto que zaga, cabeceou encobrindo o goleiro Diego Loureiro e abriu o placar para o Goiás logo aos sete minutos do primeiro tempo.

Quase um gol de placa!

Por muito pouco Miguel não fez um gol de placa. Após receber um cruzamento, ele escorou de calcanhar de primeira, e a bola acabou batendo no travessão. Se entrasse, certamente seria um dos gols mais bonitos do campeonato.

Fernandão amplia

O Goiás fez o 2 a 0 aos 18 minutos do segundo tempo, novamente em uma jogada aérea, quando Shaylon cruzou e Fernandão testou para o fundo da rede.

Um minuto de silêncio

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 2 X 0 BOTAFOGO

Local: Hailé Pinheiro, em Goiânia (GO)
Hora: 17h
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG)
Arbitro de vídeo: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Cartões amarelos: Caio Alexandre, Kayque, David Sousa (BOT)
Cartões vermelhos: Kanu (BOT)
Gols: Rafael Moura, aos 7 minutos do primeiro tempo (GOI); Fernandão, aos 18 minutos do segundo tempo (GOI)

Goiás: Marcelo Rangel; Shaylon, Fábio Sanches, Heron e Jefferson; Breno (Ariel Cabral), Henrique Lordelo e Miguel Figueira (Iago Mendonça); Rafael Moura (Douglas Baggio), Fernandão (Índio) e Vinícius Lopes. Técnico: Augusto Cesar

Botafogo: Diego Loureiro; Marcelo Benevenuto, Kanu e David Sousa, Kevin, Kayque (Luiz Otávio), Caio Alexandre, Cesinha (Warley) e Hugo (Matheus Babi); Matheus Nascimento (Bruno Nazário) e Rafael Navarro. Técnico: Lúcio Flávio (interino)

Futebol