PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Gre-Nal vale igualar sequência histórica no Brasileiro para o Inter

Yuri Alberto é aposta do Inter para vencer o Grêmio e conseguir marca histórica - Ricardo Duarte/Inter
Yuri Alberto é aposta do Inter para vencer o Grêmio e conseguir marca histórica Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

23/01/2021 12h10

Classificação e Jogos

O Gre-Nal já tem um peso diferente apenas pela rivalidade entre Internacional e Grêmio. Mas, no jogo de amanhã (24), o Colorado ainda busca igualar as maiores sequências de vitórias do Brasileiro no formato de pontos corridos.

Com sete vitórias consecutivas, o Inter precisa de mais uma para repetir os feitos do Cruzeiro de 2003 e do Flamengo de 2019, temporadas em que ambos conquistaram o título.

O time mineiro venceu oito seguidas duas vezes na campanha de 2003. Primeiro bateu Guarani (4 x 1), Athletico Paranaense (4 x 1), Santos (3 x 0), Corinthians (1 x 0), Vitória (1 x 0), Criciúma (3 x 1), Flamengo (2 x 0) e Atlético-MG (1 x 0). Dois jogos depois, voltou a vencer oito vezes, contra Figueirense (1 x 0), Fortaleza (2 x 1), Grêmio (3 x 0), Vasco (1 x 0), Paraná (3 x 1), Paysandu (2 x 1), Fluminense (5 x 2) e Bahia (7 x 0).

Já o Rubro-Negro de 2019 bateu Grêmio (3 x 1), Vasco (4 x 1), Ceará (3 x 0), Palmeiras (3 x 0), Avaí (3 x 0), Santos (1 x 0), Cruzeiro (2 x 1) e Internacional (3 x 1) em sequência.

O Colorado está perto disso. São sete vitórias nos últimos compromissos. O time de Abel Braga bateu Botafogo (2 x 1), Palmeiras (2 x 0), Bahia (2 x 1), Ceará (2 x 0), Goiás (1 x 0), Fortaleza (4 x 2) e São Paulo (5 x 1).

Temos esperança, vontade, um espírito e um companheirismo muito grande. Uma palavra que eu gosto e uso muito, aprendi em Portugal, é sacrifício. Isso é muito grande. Os jogadores estão felizes, todos eles, e não tem um que não esteja com os pés no chão. Temos condições? Óbvio que temos. Não vamos nos colocar em inferioridade em relação a nenhum time. Mas não nos consideramos favoritos. Vamos jogo a jogo", disse o técnico Abel Braga.

Mas, para igualar a marca de Cruzeiro e Flamengo, o time vermelho precisará superar um tabu. Desde 2018 que não vence o clássico gaúcho. São 11 jogos sem bater o adversário.

Inter e Grêmio jogam neste domingo às 16h (de Brasília), no Beira-Rio.

Internacional