PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Bruno Henrique reclama da intervenção do VAR na expulsão de Thuler

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em São Paulo

25/11/2020 00h04

Classificação e Jogos

O atacante Bruno Henrique protestou contra a revisão do lance que resultou na anulação do cartão amarelo e, consequentemente, na expulsão do zagueiro Thuler a 10 minutos do fim do empate em 1 a 1 entre Flamengo e Racing hoje (24), no Cilindro de Avellaneda, válido pela ida das oitavas de final da Copa Libertadores.

"O VAR tem que chamar ele dizendo que o lance é para vermelho, sendo que a decisão é dentro de campo? Não dá para entender se é o VAR que apita ou o juiz. Se o árbitro achou que era lance para amarelo, o VAR não tem por que chamá-lo. Todo mundo viu que foi uma falta normal", afirmou o jogador.

Apesar do desabafo, o camisa 27 elogiou o desempenho do Flamengo na Argentina. Vale lembrar que Bruno Henrique foi eleito o melhor em campo pela Conmebol.

"O time está de parabéns pelo que mostrou aqui, e agora temos mais 90 minutos em casa para conseguir a classificação", disse.

O Flamengo disputará a partida de volta contra o Racing na terça-feira (1º), às 21h30 (de Brasília), no Maracanã. Por ter marcado um gol fora de casa, a equipe de Rogério Ceni assegura a classificação às quartas de final em caso de vitória ou empate por 0 a 0.

Futebol