PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio tem cautela com Jean Pyerre e deve abraçar trio como 'plano B'

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Do UOL, em Porto Alegre

25/09/2020 04h00

Jean Pyerre não deve voltar ao time titular do Grêmio contra o Atlético-MG, amanhã (26), às 21h, e também tem chances remotas de reforçar a equipe contra a Universidad Católica, pela Copa Libertadores. Nos bastidores, o clube gaúcho adota cautela com o retorno do meia-atacante pelo histórico recente de lesão muscular. Enquanto o camisa 21 não é liberado, Renato Gaúcho deve abraçar o sistema de jogo com trio de volantes formado por Lucas Silva, Darlan e Matheus Henrique.

O jogo contra o Internacional, quarta vitória em cinco clássicos no ano, é o mais recente argumento para o 'plano B' do Grêmio continuar em uso.

Segundo apurou o UOL Esporte, Jean Pyerre realiza trabalho para equilíbrio da musculatura. Já está fazendo treinos físicos sem problemas, mas a ideia é melhorar a estrutura do jogador antes de retomada dos jogos. A lesão contraída em 2019, que o afastou dos gramados por toda reta final da temporada, é citada como motivo para o cuidado.

A situação de Jean Pyerre se soma à ausência de outro jogador da função no elenco. Sem Thiago Neves, agora no Sport, e Thaciano — que aguarda definição do futuro, Renato Gaúcho só tem Isaque para improvisar na vaga. O que deu certo no início, parou de funcionar.

Contra o Atlético-MG, o Grêmio deve usar alguns titulares. A ideia é pontuar no final de semana para melhorar, também, a campanha no Campeonato Brasileiro. Na Copa Libertadores, possível vitória em casa na próxima semana garante a classificação às oitavas de final.

Futebol