PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Empresa que instalou grama no Palmeiras faz campo de time nos EUA e Brasil

Grama sintética no Allianz Parque virou modelo para clube dos Estados Unidos em franquia no Brasil - UOL Esporte
Grama sintética no Allianz Parque virou modelo para clube dos Estados Unidos em franquia no Brasil Imagem: UOL Esporte

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

18/09/2020 04h00

A Soccer Grass, empresa que instalou o campo sintético do Allianz Parque, se responsabilizará pela grama artificial do centro de treinamentos e do estádio do Boston City, que terá estruturas em Boston, nos Estados Unidos, e em Manhuaçu, em Minas Gerais.

A franquia americana chega ao Brasil com o intuito de disputar competições oficiais a partir de 2021. Desta forma, serão construídos centro de treinamentos e estádio na zona da mata mineira. A ideia é que a empresa responsável pelo gramado do estádio do Palmeiras também cuide das instalações na América do Norte.

"Um dos colaboradores deles já conhecia a Soccer Grass do Brasil, e eles nos colocaram na concorrência. Depois que eles visitaram a nossa base, viram nossos produtos, eles optaram por fechar com a Soccer Grass. Nós estamos colocando lá um produto muito similar, uma grama sintética no centro de treinamentos. Quando o estádio ficar pronto, terá também grama sintética. Eles conhecem um pouco da similaridade com a grama natural", disse Alessandro Oliveira, diretor presidente da Soccer Grass, ao UOL Esporte.

"Eles estão preferindo gramado sintética no estádio e no centro de treinamentos. A ideia deles é formar atletas e disputar o Campeonato Mineiro, aquele beabá normal de um time que está querendo subir. Eles estão bem fortes em marcar posição no Brasil", acrescentou.

A intenção é fazer um gramado que tenha a mesma qualidade do Allianz Parque. O time pretende ter o padrão semelhante no CT e no estádio.

"O padrão de performance é o mesmo do Allianz Parque, mas a construção é um pouco diferente, porque o CT não terá shows e eventos. Quando falarem em estádio, eles vão fazer o mesmo gramado. O nível de performance será o mesmo", afirmou Alessandro Oliveira, que ainda planeja uma data para entrega do trabalho:

"Estão na fase de terraplanagem, eles devem liberar a terraplanagem dos campos em novembro, e a gente deve começar a instalação dos campos em novembro. Então, em 60 dias mais ou menos estará tudo pronto. Os campos estarão entregues. Creio que, em 2021, eles devem estar atuando. A obra está a pleno vapor lá."

Futebol