PUBLICIDADE
Topo

Em live na web, Bolsonaro diz que Palmeiras será bimundial

Leila Pereira, Jair Bolsonaro e Maurício Galiotte no Allianz Parque durante o jogo entre Palmeiras e vasco -  REUTERS/Amanda Perobelli
Leila Pereira, Jair Bolsonaro e Maurício Galiotte no Allianz Parque durante o jogo entre Palmeiras e vasco Imagem: REUTERS/Amanda Perobelli

Do UOL, em São Paulo

25/06/2020 20h05

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que o Palmeiras, seu time de coração, será bicampeão mundial, mas foi avisado que o torneio organizado pela Fifa teria sido cancelado. Oficialmente, o Palmeiras é reconhecido pela Fifa como campeão mundial de 1951.

A fala ocorreu enquanto o presidente comentava a MP sobre os direitos de transmissão, durante a live realizada pelas redes sociais na noite de hoje.

"Vou acertar com a delegação do Palmeiras, sou chegado do Felipe Melo, a gente vai levantar a taça de bicampeão mundial...", disse.

"Cancelou? Só porque o Palmeiras ia ser bicampeão", acrescentou, revelando surpresa.

Segundo Marcel Rizzo, colunista do UOL, por causa da pandemia do novo coronavírus, a Fifa já adiou o primeiro Mundial de Clubes que organizaria com 24 participantes, que seria em 2021 na China, e deve ser obrigada também a postergar a última edição que pretende fazer do torneio no formato atual, com sete times e que está marcado para dezembro de 2020, no Qatar.

Não há garantia das confederações que seus torneios continentais serão concluídos em 2020, o que inviabilizaria a realização do Mundial em dezembro já que não haveria clubes classificados. O problema é o mesmo em cada continente: fronteiras fechadas que inviabilizam o deslocamento dos clubes.

Futebol