PUBLICIDADE
Topo

Neymar diz sentir falta da privacidade e cita ponto positivo da quarentena

Neymar durante treinamento de futevôlei, em casa, no Brasil - Divulgação/neymarjr.com
Neymar durante treinamento de futevôlei, em casa, no Brasil Imagem: Divulgação/neymarjr.com

Colaboração para o UOL

15/05/2020 15h25

Neymar respondeu hoje algumas perguntas de fãs no Instagram, em uma ação promovida por uma marca de perfumes. O atacante do PSG — que está em isolamento social em Mangaratiba (RJ), ao lado do filho, Davi Lucca, e amigos — falou sobre a quarentena e disse que sente falta da privacidade.

Ao ser questionado sobre como se mantém postitivo, ele disse que a forma é "manter a positividade e ficar com a família. "Pensando que essa pandemia é uma coisa que parou o mundo e é uma coisa muito séria. A coisa boa que posso tirar disso é que posso passar mais tempo com a família e com meu filho, e isso me dá forças para continuar ficando em casa".

"Estou treinando quase todos os dias. Estou tentando me manter em forma, que é uma coisa bem difícil, mas tem coisa que muito importante mais à frente, então estou treinando sempre, me mantendo para não perder o ritmo, e de quarentena".

O jogador disse, ainda, que seu maior sonho não realizado é vencer a Copa do Mundo e contou sobre o que mais sente falta de antes da fama. "[Sinto falta] de jogar bola na rua, de ir para a praia com meus amigos. Eu sempre fui meio conhecidinho na cidade [de Santos] desde os 13 anos, então nunca cheguei a ser desconhecido totalmente, mas eu tinha mais privacidade, mais liberdade de fazer coisa com amigos que hoje eu não posso".

@neymarjr answers your questions about his lockdown, and much much more Watch it NOW!

Uma publicação compartilhada por DIESEL Fragrances (@dieselfragrances) em

Futebol