PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras evita se empolgar, mas trata Rony como realidade para 2020

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

23/01/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Palmeiras segue negociando a contratação de Rony com o Athletico, um dia após se reunir com os paranaenses em Curitiba.
  • Ontem (22), depois da goleada do time alviverde sobre o Ituano, o presidente Maurício Galiotte admitiu interesse no atacante.
  • A diretoria do clube alviverde trata o negócio com cautela, mas mantém diálogo para entrar em um acordo com o Athletico.
  • Rony tem 24 anos e preço estimado em R$ 55 milhões pelos 100% dos direitos econômicos.
  • Se sair, a negociação tratará apenas de uma porcentagem dos direitos de Rony, que resolve pendências com o Athletico.

O discurso é ponderado, mas o Palmeiras já trata Rony como uma realidade no mercado da bola para a temporada de 2020. Ontem (22), pela primeira vez, o presidente Maurício Galiotte falou publicamente sobre o interesse alviverde, horas depois de o diretor executivo Anderson Barros se reunir em Curitiba com representantes do Athletico para acelerar a negociação.

O clube alviverde foi o único a enviar uma proposta concreta aos paranaenses pelo atacante de 24 anos. O Palmeiras apresentou-se para o diálogo e se mostrou disposto a discutir as exigências do clube rubro-negro, que estima um preço de 12 milhões de euros (R$ 55,6 milhões) por 100% dos direitos econômicos.

Este preço está fora dos padrões palmeirenses para 2020. Entretanto, as conversas abrem a possibilidade para um negócio mais cabível para o orçamento da equipe alviverde. Segundo apuração do UOL Esporte, o valor de abertura do diálogo entre os clubes corresponde a 50% dos direitos, mais ou menos R$ 27 milhões.

A conversa entre as três partes (Rony, Palmeiras e Athletico) segue a partir desta quinta-feira (23), com ambos tratando a possibilidade de negócio com toda a cautela. Há uma pendência do jogador com o clube paranaense ainda ser acertada para o acordo com o time alviverde se viabilizar.

Dentro do clube alviverde, as movimentações para chegar a um acordo são bem medidas, passo a passo.

Nesta temporada, a primeira de Anderson Barros no comando do futebol, o Palmeiras procurou reduzir a folha salarial, o elenco e apenas investir em "nomes certos", como Rony, um possível titular de Vanderlei Luxemburgo. O jogador se tornou alvo declarado do clube alviverde e nome elogiado por Maurício Galiotte.

"[Rony] É um jogador muito bom e que sabemos que interessa a outros clubes. Tivemos reunião hoje com o Athletico para ver se há esta possibilidade, mas não há nada certo. Palmeiras tem interesse. Se tivermos a possibilidade, é um jogador que nos interessa", declarou o dirigente, em sua primeira declaração sobre um possível reforço palmeirense.

O Palmeiras ainda não anunciou novos nomes para a temporada 2020. Até aqui, Vanderlei Luxemburgo trabalha com o mesmo grupo do ano passado, com jovens, como Gabriel Menino, Patrick de Paula e Gabriel Verón, ganhando espaço. Rony, já admitido como nome interessante pelo clube, viria para cumprir o papel de reforço badalado.

Palmeiras