PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras embala no 2º tempo e goleia Ituano em estreia pelo Paulistão

Do UOL, em São Paulo (SP)

22/01/2020 21h04

Classificação e Jogos

O Palmeiras de Vanderlei Luxemburgo estreou com vitória no Campeonato Paulista de 2020. Na noite de hoje (22), no estádio Novelli Júnior, em Itu, a equipe alviverde bateu o Ituano pelo placar de 4 a 0 e somou os primeiros três pontos no Estadual. O lateral direito Marcos Rocha, o meia Lucas Lima, Zé Rafael, com um belo gol de letra, e Willian asseguraram o resultado positivo fora de casa.

Depois de um primeiro tempo discreto, o Palmeiras cresceu na etapa final e construiu com tranquilidade o placar elástico. Logo aos 6min, Marcos Rocha abriu o marcador para os visitantes. Seis minutos depois, com chute certeiro, Lucas Lima ampliou.

A vitória virou goleada graças a Zé Rafael, em lance de pura categoria, e Willian, que, aos 34min, depois de ótima jogada coletiva do time de Vanderlei Luxemburgo, fechou o resultado em Itu.

O resultado tranquilo embala a equipe antes do primeiro grande desafio da temporada, logo pela segunda rodada do Paulistão. No domingo (26), a partir das 16h (de Brasília), o Palmeiras encara o São Paulo no primeiro clássico do Estadual de 2020.

O jogo contra o arquirrival será no estádio Fonte Luminosa, em Araraquara, já que o Allianz Parque segue fechado para o processo de troca do gramado natural para o sintético.

Quem foi bem: Lucas Lima

Lucas Lima Palmeiras - Rebeca Reis/AGIF - Rebeca Reis/AGIF
Imagem: Rebeca Reis/AGIF

Alvo de críticas em um passado recente, Lucas Lima iniciou a temporada em alta com Vanderlei Luxemburgo. Bancado como titular, o meia tem correspondido neste início de temporada. Além do bom nível na Florida Cup, o camisa 20 se destacou na estreia palmeirense no Paulistão. Deu dinâmica ao ataque no segundo tempo e ainda deixou a sua marca com belo chute. O início é promissor.

Quem foi mal: Raphael Veiga

Alçado ao posto de titular neste primeiro compromisso pelo Paulistão, Veiga teve uma atuação discreta. Em um primeiro tempo de posse de bola, mas pouca intensidade ofensiva do Palmeiras, o meia acabou como símbolo de um desempenho parcialmente pouco efetivo da equipe visitante. O camisa 23 acabou substituído ainda no intervalo por Gabriel Verón.

Menino virando "adulto"

Grande surpresa do Palmeiras neste início de temporada, Gabriel Menino estreou bem como profissional. O jovem de 19 anos foi a sustentação do meio-campo da equipe de Vanderlei Luxemburgo, auxiliando na cobertura da defesa. Também foi importante na distribuição de jogo saindo do campo defensivo. O menino vai se tornando "adulto" de maneira rápida sob o comando de Luxa.

Cronologia do jogo

Luxemburgo Palmeiras - Rebeca Reis/AGIF - Rebeca Reis/AGIF
Imagem: Rebeca Reis/AGIF

O Palmeiras enfrentou dificuldades para conseguir superar a estratégia mais defensiva do Ituano durante o primeiro tempo. Mesmo com os laterais soltos, Veiga no meio e Dudu com liberdade, a equipe alviverde esbarrou na falta de ritmo e na pouca criatividade diante da equipe da casa. O Ituano, em contrapartida, pouco exigiu a defesa alviverde.

Com Gabriel Verón logo na volta do intervalo, o Palmeiras ganhou mais profundidade e assustou logo no começo, quando Ramires perdeu boa chance de cabeça. A pressão inicial deu resultado aos 7min: Marcos Rocha pegou rebote da defesa do Ituano e, da ponta direita da grande área, chutou firme para dar vantagem ao clube alviverde.

A partir do gol, o Palmeiras controlou completamente o confronto. Diante de um frágil adversário, tanto na defesa quanto no ataque, o time de Luxa construiu naturalmente a goleada. Lucas Lima, Zé Rafael e Willian aproveitaram para balançar as redes para os visitantes.

Palmeiras cresce no 2º tempo

Depois de uma primeira etapa discreta, o Palmeiras tratou de definir o resultado com menos da metade do segundo tempo. Com uma formação mais dinâmica pela entrada de Gabriel Verón na vaga de Raphael Veiga, o time alviverde exerceu uma pressão imediata sobre o rival e expôs a fragilidade do sistema defensivo do Ituano. Ponto para os trabalhos da semana de marcação alta sobre a defesa do adversário.

Luxemburgo abdica de "meia" e sai vitorioso

Luxa trabalhou desde a Florida Cup um Palmeiras com Raphael Veiga, dando maior liberdade para Dudu se aproximar de Luiz Adriano. Embora o camisa 7 tenha aparecido desde o início do jogo como melhor opção ofensiva, o esquema acabou neutralizado facilmente pelo Ituano na primeira etapa. A solução? Gabriel Verón, atacante, colocado pelo treinador logo no retorno do intervalo. A partir daí, o time alviverde deslanchou e dominou completamente o duelo em Itu.

Felipe Melo é pouco testado

Felipe Melo Palmeiras - Cesar Greco - Cesar Greco
Imagem: Cesar Greco

Escalado como zagueiro por Luxemburgo, Felipe Melo acabou sendo pouco exigido neste primeiro jogo oficial. Consagrado como volante durante a carreira, o capitão palmeirense teve trabalho com bolas pelo alto e lançadas pelo Ituano, que exigiu pouquíssimo do goleiro Weverton.

FICHA TÉCNICA
ITUANO 0 x 4 PALMEIRAS

Local: estádio Novelli Júnior, em Itu (SP)
Data: 22 de janeiro de 2020 (quarta-feira)
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Daniel Luis Marques e Alberto Poletto Masseira (ambos de SP)
Cartões Amarelos: Jonas e Paulinho Dias (Ituano); Victor Luis e Marcos Rocha (Palmeiras)

Gols:
PALMEIRAS: Marcos Rocha, aos 7min do 2º tempo; Lucas Lima, aos 13min do 2º tempo; Zé Rafael, aos 28min do 2º tempo; e Willian, aos 34min do 2º tempo

ITUANO: Pegorari; Jonas, Ricardo Silva, Mateus e Breno Lopes; Serrato, Baralhas e Paulinho Dias (Luizinho); Hugo Cabral (Gabriel Taliari), Minho e Gui Mendes (Luiz Paulo).
Técnico: Vinicius Bergantin.

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Felipe Melo, Gustavo Gómez e Victor Luis; Ramires (Zé Rafael) e Gabriel Menino; Dudu, Lucas Lima e Raphael Veiga (Gabriel Verón); Luiz Adriano (Willian).
Técnico: Vanderlei Luxemburgo.