Topo

Esporte


Eto'o, sobre racismo: "Eles te chamam de macaco e depois pedem foto"

Samuel Eto"o - Xinhua/Wu Huiwo
Samuel Eto'o Imagem: Xinhua/Wu Huiwo

Do UOL, em São Paulo

18/09/2019 19h16

O ex-atacante Samuel Eto'o falou sobre racismo. O camisa 9 de Barcelona e Inter de Milão lamentou que episódios continuem acontecendo no futebol.

"Foram momentos muito tristes, e o pior é que seguem acontecendo. Me ajoelho para pedir que nos ajude para que o futebol nas arquibancadas seja mais limpo e educado. Amarelo, negro, laranja... no final, somos todos iguais e nossos filhos dever saber isso. Eles te chamam de macaco e depois pedem uma foto. Sim, eles tiram uma foto com um macaco", disse Eto'o em entrevista à rádio "Cadena Ser".

Aposentado dos gramados, o camaronês agora quer ser treinador e já tem um objetivo traçado. "Quero ser o primeiro treinador negro a ganhar uma Champions League fazendo uma equipe jogar como Guardiola faz", afirmou.

Eto'o foi treinado pelo espanhol nos tempos de Barcelona. Agora, o clube catalão conta com um novo promissor atacante: Ansu Fati, de apenas 16 anos. O camaronês falou sobre o garoto.

"Nem Deus sabe o que está acontecendo. Ele é muito bom. Tem dois pares de bolas, não só um par, mas dois. Desejo felicidades e que não se machuque, que é a única coisa que poderia pará-lo em sua trajetória."

Mais Esporte