Topo

Futebol


Zidane nega saída do Real Madrid e diz que sabia do "risco" quando voltou

Zinedine Zidane reafirmou confiança no elenco e desconversou sobre reforços - REUTERS/Leonhard Foeger
Zinedine Zidane reafirmou confiança no elenco e desconversou sobre reforços Imagem: REUTERS/Leonhard Foeger

do UOL, em São Paulo

16/08/2019 10h44

O técnico Zinedine Zidane, do Real Madrid, negou nesta sexta-feira (16) a sua saída do clube. Ontem, o jornal inglês "The Independent" afirmou que o francês poderia estar deixando a equipe por estar se sentindo "enganado" pelo presidente Florentino Pérez.

A suposta falta de esforços da diretoria para contratar estrelas como Pogba e Mbappé seria o principal motivo da desavença entre o técnico e o presidente do Real Madrid.

Em entrevista coletiva, no entanto, Zidane reafirmou a permanência no clube falou sobre o assunto. "Conheci o risco que tinha quando voltei. Faz parte da vida de um treinador. Eu sei o que quero e como. Quero que o time seja competitivo e ganhe", afirmou. Ele treinou o Real Madrid entre 2016 e 2018 e retornou ao clube em março.

Sobre o mercado, o francês não criticou Pérez e desconversou. "A equipe é o que é. Este é o time. O mercado está aberto e as coisas podem acontecer, mas o que importa é o jogo de amanhã e os jogadores que estão aqui agora". Neste sábado (12), o Real Madrid encara o Celta de Vigo na estreia do Campeonato Espanhol.

Ao ser questionado sobre uma possível vinda de Neymar ao clube espanhol, o comandante foi enfático: "Ele não é um jogador do Real Madrid. Importa quem está aqui".

Mais Futebol