Topo

Luciano tem estreia discreta no Grêmio e minimiza: "Senti o entrosamento"

Do UOL, em Porto Alegre

11/08/2019 12h00

Luciano ficou em campo até os 25 minutos do segundo tempo de Flamengo e Grêmio, mas dificilmente vai guardar na memória algum lance do jogo válido pela 14ª rodada do Brasileirão. Reforço mais recente do time gaúcho, o atacante teve uma estreia discreta em meio aos reservas de Renato Gaúcho. Além dos dois meses sem jogos, o entrosamento pesou para atuação sem gols.

O Flamengo venceu o Grêmio por 3 a 1 com os gols de William Arão, De Arrascaeta e Everton Ribeiro. Rafael Galhardo, de pênalti, descontou para o time gaúcho.

"Foi bom, fiquei dois meses sem jogar (...) Faltou um pouco de entrosamento, mas vamos adquirir ao longo dos jogos", disse Luciano depois da partida.

O último jogo do atacante havia sido justamente contra o Flamengo, mas ainda como jogador emprestado ao Fluminense. O clássico terminou sem gols e foi disputado em 6 de junho.

"O Luciano acho que sentiu a diferença de mudar de clube, de grupo. Não foi tão bem, mas foi o primeiro jogo. Ele vai evoluir e nos ajudar", comentou Duda Kroeff, vice de futebol.

Contratado após uma arrastada negociação com o Leganés-ESP, Luciano chegou ao Grêmio respaldado pelos 15 gols marcados na temporada. Um número superior até ao do artilheiro da equipe gremista em 2019: Everton Cebolinha, que acumula 11 bolas na rede.

A ideia original de estreia era ter Luciano como meia-atacante pela direita, mas Diego Tardelli acabou sendo preservado pelos médicos do jogo e o camisa 18 foi adiantado.

Grêmio