Topo

Gómez diz que quer enfrentar SPFC, mas despista sobre presença no clássico

Gustavo Gómez é um dos destaques do Palmeiras, mas pode ser poupado de clássico - Andre Borges/AGIF
Gustavo Gómez é um dos destaques do Palmeiras, mas pode ser poupado de clássico Imagem: Andre Borges/AGIF

Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

12/07/2019 14h26

O zagueiro Gustavo Gómez foi o escolhido do Palmeiras para dar entrevista coletiva hoje, véspera do clássico contra o São Paulo pelo Campeonato Brasileiro, e despistou sobre sua presença na partida de amanhã. Ele é um dos jogadores mais prováveis de serem poupados para o duelo, já visando a partida de volta do mata-mata da Copa do Brasil contra o Internacional, na próxima quarta-feira (17).

"Amanhã é um jogo importante, um clássico, mas esse é o trabalho do Felipão. Ele tem 30 jogadores disponíveis e sempre tenta fazer o melhor. Se ele não quiser trocar o time, estamos todos à disposição. Um clássico todo mundo quer jogar, mas quem decide é o professor. Eu estou recuperado", disse o jogador.

Gómez disputou a Copa América pelo Paraguai e se reapresentou ao Palmeiras mais tarde, mas já foi titular e teve grande atuação na vitória por 1 a 0 sobre o Inter na última quarta, no Allianz Parque, pelo jogo de ida das quartas de final. Com Felipão de olho na maratona de jogos que o time terá neste mês, ele e Luan devem dar lugar a Antônio Carlos e Edu Dracena contra o São Paulo.

"Nós estamos muito bem, treinando sempre da mesma forma", avaliou Gómez sobre o rodízio de titulares. "No ano passado também aconteceu assim, o professor trocava muito e conseguimos ganhar o Brasileiro, que foi muito importante. Acho que esse ano vai ser igual, jogue quem jogar, o Palmeiras tem uma identidade de jogo, sempre atua da mesma maneira".

O São Paulo eliminou o Palmeiras na semifinal do Campeonato Paulista neste ano nos pênaltis, após dois empates por 0 a 0. O time tricolor deve estrear um ataque formado por Antony, Alexandre Pato e Pablo no clássico no Morumbi, e Gómez falou sobre o perigo do rival.

"Acho que cada jogo tem sua história. O São Paulo tem jogadores de muita qualidade, e nós ficamos felizes de não tomar muitos gols, mas é um clássico, um jogo à parte. Pode acontecer qualquer coisa", disse o camisa 15 do Verdão. Com ou sem Gómez em campo, a bola rola a partir das 19h de amanhã, no Morumbi.