Topo

Esporte


Amigo de infância, atacante do Inter vira apoio para J. Rodríguez no Brasil

Trellez e James se conheceram aos sete anos - Reprodução/Instagram
Trellez e James se conheceram aos sete anos Imagem: Reprodução/Instagram

Diego Salgado, José Edgar de Matos e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

19/06/2019 12h00

Quando entra em campo nesta Copa América, James Rodríguez conta com o apoio de um amigo de infância. Jogador do Internacional, Santiago Tréllez cresceu para o futebol junto com o badalado meia que defendeu o Bayern de Munique nas últimas duas temporadas. Por isso, é certo que o camisa 10 vai conversar com o atacante antes de a bola rolar na partida entre Colômbia e Qatar, hoje, a partir das 18h30, no Morumbi, em São Paulo, pela segunda rodada do torneio.

Os dois são filhos de ex-jogadores, e por isso se conhecem desde os sete anos de idade. O pai de Tréllez, John Jairo, foi campeão da Libertadores de 1989 pelo Atlético Nacional-COL e teve passagens por Boca Juniors-ARG, Juventude e seleção colombiana. Já James é herdeiro do ex-volante Wilson, que jogou por times como Independiente Medellín, Cúcuta Deportivo e Deportes Tolima.

A relação entre os filhos ficou ainda mais estreita quando eles passaram a jogar pelas seleções de base da Colômbia. A partir daí, nunca mais perderam o contato. Juntos, entraram em campo no Mundial Sub-17, em 2007, na Coreia do Sul. Mesmo com a distância física imposta pelo mundo do futebol, eles conseguem conversar quase todos os dias pelo telefone. Nos momentos de tempo livre, também aproveitam para jogar videogame online.

Em suas férias, Tréllez também costuma visitar o amigo - foi até Madri, vê-lo no Real, e para a Alemanha, onde ele defendeu o Bayern de Munique. Desta vez, ele não precisou viajar tantos quilômetros para encontrar o companheiro de profissão. Foi até Salvador para ver o jogo da estreia da Colômbia, na vitória sobre a Argentina.

Tréllez e a família na estreia da Colômbia na Copa América - Reprdução
Tréllez e a família na estreia da Colômbia na Copa América
Imagem: Reprdução

Quando a Copa América acabar, os dois ainda têm o futuro indefinido. Depois de dois anos de empréstimo, James cumpriu dois anos de empréstimo ao Bayern e deveria voltar ao Real Madrid. O técnico Zidane já deixou claro que não pretende utilizá-lo. O Napoli já demonstrou interesse no colombiano, que pode acertar a sua transferência.

Já Tréllez está emprestado pelo São Paulo ao Internacional até o fim deste ano. O clube gaúcho não pretende utilizar o atacante e já o liberou para procurar um outro clube. O Tricolor paulista descartou um retorno e o Vasco surgiu como uma equipe interessada.

Esporte