Topo

Por 'caldeirão' contra o Boca, Athletico reduz preço em setor da organizada

Facebook/Os Fanáticos
Imagem: Facebook/Os Fanáticos

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

25/03/2019 20h58

O Athletico Paranaense decidiu baixar o preço dos ingressos para o setor Buenos Aires inferior da Arena da Baixada, local onde costuma ficar a torcida organizada Os Fanáticos. Ao menos para o jogo do próximo dia 2, contra o Boca Juniors, pela Copa Libertadores.

Nos últimos jogos, incluindo os do Paranaense e a estreia em casa pela Libertadores, contra o Jorge Wilstermann, o clube aplicou um valor maior nas entradas para o setor em questão, como R$ 250 a inteira - contra R$ 100 em um setor equivalente, atrás do outro gol.

Para o jogo contra o Boca, porém, todos os ingressos - exceto setor vip e camarotes - terão um preço único: R$ 150 a inteira, e R$ 75 a meia-entrada.

Segundo informou uma fonte do clube à reportagem do UOL Esporte, a redução acontece depois de uma 'revisão da política de preços para que tenha mais público'.

Fora isso, a queda nos preços vem depois de parte da imprensa - incluindo o UOL Esporte - divulgar que o clube seria notificado pelo Procon-PR por conta da cobrança de preços diferentes em setores equivalentes. Em contato com a reportagem, a fundação disse que a notificação chegou ao Athletico na tarde de hoje, enquanto o clube disse não saber precisar essa informação.

A primeira notificação do Procon diz respeito aos valores cobrados na Libertadores, mas uma outra, sobre os jogos do Estadual, já está a caminho do Athletico, segundo a fundação.

No jogo do último sábado, contra o Foz do Iguaçu, pelo Paranaense, os valores dos ingressos para o setor Buenos Inferior novamente ficaram acima (R$ 250) do cobrado no Coronel Dulcídio inferior (R$ 100), setor equivalente ao ocupado pela organizada.

O Athletico volta a campo no próximo domingo (31), quando visita o Londrina pelo segundo turno do Estadual. Os preços dos ingressos ainda não foram divulgados.

Reprodução/Site oficial do Athletico
Imagem: Reprodução/Site oficial do Athletico

Estatuto não permite diferença de preços

Um artigo do Estatuto do Torcedor deixa claro que a cobrança de valores diferentes em preços de ingressos em setores equivalentes não é permitida. Ainda assim, o Athletico continua adotando a prática.

Art. 24. É direito do torcedor partícipe que conste no ingresso o preço pago por ele. § 1o Os valores estampados nos ingressos destinados a um mesmo setor do estádio não poderão ser diferentes entre si, nem daqueles divulgados antes da partida pela entidade detentora do mando de jogo.

Briga antiga entre clube e torcida

No ano passado, o Athletico Paranaense tentou mudar a torcida Os Fanáticos para o setor Coronel Dulcídio superior, alegando questões comerciais. A organizada bateu o pé e continuou na Buenos Aires (inferior).

O clube alegava que a medida evitaria a presença de membros da organizada no Boulevard, evitando a desvalorização do comércio no local.

"A necessidade de que o acesso da torcida organizada seja feito pela Coronel Dulcídio, e não pelo boulevard, não é uma definição do Clube, mas sim do mercado. Apesar de sabermos que a torcida organizada é uma peça chave para catalisar a energia de todos os torcedores, sua presença no entorno do estádio, especialmente em momentos de maior euforia, afasta o interesse de novos investidores", diz nota do clube do ano passado.

Na decisão da Sul-Americana no ano passado, o clube cedeu e a organizada pôde realizar a festa com faixas e baterias em seu lugar usual (Buenos Aires inferior), com a promessa de que a partir deste ano se realocaria na parte superior do estádio. Nesta temporada, porém, a Os Fanáticos voltou para a Buenos Aires inferior e teve os itens de festa novamente vetados pela diretoria - além do preço ampliado.