PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Atacante que já encarou a máfia rivaliza com CR7 por artilharia do Italiano

Em 160 partidas pela Sampdoria, Quagliarella marcou 68 gols e deu 19 assistências  - Ciro De Luca/REUTERS
Em 160 partidas pela Sampdoria, Quagliarella marcou 68 gols e deu 19 assistências Imagem: Ciro De Luca/REUTERS

Flávio Latif

Do UOL, em São Paulo (SP)

14/03/2019 04h00

No último fim de semana, o atacante italiano Fabio Quagliarella, da Sampdoria, marcou na derrota da equipe para o Atalanta por 2 a 1, no Campeonato Italiano. O gol marcado pelo jogador de 36 anos o mandou para a artilharia da competição, ofuscando Cristiano Ronaldo, camisa 7 da Juventus.

Mais do que isso, o brilho tardio devolve a história de Quagliarella, muito mais complexa do que você deve imaginar, para as manchetes na Itália.

Quagliarella lamenta chance perdida quando atuava na Juventus - Massimo Barbanera/Reuters - Massimo Barbanera/Reuters
Quagliarella lamenta chance perdida quando atuava na Juventus
Imagem: Massimo Barbanera/Reuters

Problemas com a máfia italiana

Na temporada 2009-10, o atacante italiano foi contratado pelo Napoli após se destacar na Udinese. Sua passagem pela equipe de Nápoles durou apenas um ano. Na temporada seguinte, transferiu-se para a Juventus e foi chamado de traidor pela torcida napolitana. Quagliarella ficou pouco mais de cinco anos sem se pronunciar sobre sua saída, até revelar que sofria chantagem de um ex-policial.

O policial dizia saber histórias do atacante que o envolvia com pedofilia, orgias com mafiosos e festas com drogas. Na época, o atacante disse que o presidente do Napoli, Aurelio De Laurentiis, o aconselhou a ficar escondido e viver em hotéis para não sofrer com as ameaças. O atacante só falou sobre o caso após ver o policial atrás das grades. O criminoso pedia uniformes e mandava mensagens fazendo acusações graves a Quagliarella.

Ladies e gentlemen, Fabio #Quagliarella. #Record. #SampUdinese.

A post shared by U.C. Sampdoria (@unionecalciosampdoria) on

Igualou recorde de Gabriel Batistuta

Nesta temporada, Fabio Quagliarella já marcou 20 gols em 26 partidas, além de ter ajudado seus companheiros com 6 assistências.

Na 21ª rodada do Campeonato Italiano, na vitória por 4 a 0 contra a Udinese, o atacante chegou a 11 rodadas seguidas anotando gols na competição - alcançando a marca do ex-atacante argentino Gabriel Batistuta, que durava 25 anos.

Sonhando com Liga Europa

A última participação da Sampdoria em uma competição internacional foi na Liga Europa da temporada 2010-11. Atualmente, a equipe ocupa a 9ª colocação do Campeonato Italiano, com 39 pontos e apenas cinco atrás do 6º colocado, o Torino, com 44.

A sexta posição da competição vale vaga no "play-off" da competição internacional, uma pré-Liga Europa antes da fase de grupos.

Na briga pela artilharia, Quagliarella é o líder com 20 gols. Cristiano Ronaldo, da Juventus, e Krzysztof Piatek, do Milan, estão na cola do italiano com 19 gols marcados cada.

A Sampdoria conta com o poder de fogo de Quagliarella para vencer seu próximo desafio do Italiano, no próximo sábado (16), contra o Sassuolo, fora de casa no estádio Città del Tricolore, às 11h (horário de Brasília).

Quagliarella comemora gol marcado contra o Cagliari - Paolo Rattini/Getty Images - Paolo Rattini/Getty Images
Quagliarella comemora gol marcado contra o Cagliari
Imagem: Paolo Rattini/Getty Images

Esporte