Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Corinthians diz que Sevilla subiu preço de Arana e alega irresponsabilidade

Siga o UOL Esporte no

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

10/03/2019 19h37

O diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, que viajou à Espanha para tentar fechar a contratação de Guilherme Arana nesta semana, disse que o Sevilla subiu o valor do lateral e, por isso, a negociação não foi concretizada. O dirigente fez a revelação após o empate contra o Santos hoje, em Itaquera, pela décima rodada do Campeonato Paulista.

O diretor alega que, além de aumentar o valor de "entrada", o clube espanhol ainda diminuiu o número de parcelas. Na visão de Duílio, o Corinthians seria irresponsável se fechasse a negociação nos moldes do clube espanhol.

"Eles queriam um valor maior e uma parte maior à vista. Estávamos no limite dos valores e da forma de pagamento das parcelas", disse Duílio.

"Os valores pedidos e a forma de pagamento seria de nossa parte uma irresponsabilidade. Fiz a viagem porque a gente tem que tentar pessoalmente, como as conversas não andavam por telefone há muito tempo, tinha a obrigação de ir lá, mostrar o que poderia ser feito. Mas trato como irresponsabilidade, dessa forma a gente não teria como cumprir e estaria prejudicando o clube", completou.  

O dirigente corintiano, inclusive, alega que a postura do Sevilla de aumentar o valor de Arana demonstra que o clube espanhol não está muito interessado em negociar o lateral. Mesmo assim, ele ressalta que a proposta do Corinthians continua na "mesa" dos espanhóis.

"O discurso não é esse, é de que eles têm interesse, mas quem aumenta o valor e diminui as parcelas parece que não quer (negociar). A nossa função é tentar, sabemos que isso gera expectativa, mas tínhamos a obrigação de tentar. A proposta continua lá", disse.

Segundo apurou o UOL Esporte, o Sevilla prometeu fazer uma contraproposta para tentar fechar a transação. A ideia do clube espanhol é criar uma espécie de mecanismo que evite atrasos nas parcelas futuras. O Corinthians aceita pagar 8 milhões de euros (R$ 34 milhões) de forma parcelada por 90% dos direitos econômicos do lateral.

Juca Kfouri: 0 a 0 em Corinthians x Santos não decepcionou

UOL Esporte

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Corinthians