PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Meia do Grêmio ajuda mãe comprando leite para filhos e comove até colorados

Maicon, capitão do Grêmio, compra leite para uma senhora em loja de conveniência - Reprodução Instagram
Maicon, capitão do Grêmio, compra leite para uma senhora em loja de conveniência Imagem: Reprodução Instagram

Felipe Pereira

Do UOL, São Paulo

27/02/2019 13h22

Maicon, capitão do Grêmio, está sendo celebrado por gremistas e colorados no Rio Grande do Sul desde que uma foto dele comprando caixas de leite para um senhora muito humilde que pediu ajuda para mamadeira de seus filhos viralizou nas redes sociais. A cena ocorreu na terça-feira em posto de combustível de Porto Alegre e foi presenciada por Guilherme Kury que postou a imagem na internet.

"A sensação que eu tive quando vi aquela cena foi de 'não acredito!' Olhei para dentro da loja e não tinha ninguém. O cara não estava fazendo por mídia nem nada. Ele me cumprimentou e eu estava de bermuda e chinelo".

Guilherme estava indo para Canoas, cidade da região metropolitana de Porto Alegre, e parou no posto para abastecer. Antes de pegar a estrada de novo, enviou a foto para um grupo de amigos no WhatsApp. Foram tantos apelos para postar a imagem nas redes sociais que ele incluiu uma segunda parada na viagem. Encostou o carro no acostamento e escreveu um texto no Facebook e Instagram.

Nele, contou que estava abastecendo perto do aeroporto e viu um homem pagando quatro caixas de leite para uma senhora visivelmente humilde. Era o capitão do Grêmio, que inclusive lhe dirigiu uma saudação quando os olhares se encontraram. O texto termina com a uma exaltação a Maicon e a falando de futebol.

"Apenas retribuindo um pouco o que Deus fez por ele. Emocionante. Segue o jogo (e a rivalidade). Parabéns pela atitude".

O caminho para Canoas é curto e quando Guilherme chegou no destino havia mil compartilhamentos no Facebook. Nos comentários, torcedores de Grêmio e Internacional elogiavam a atitude do jogador. A nobreza do meia também ganhou a simpatia de Guilherme, que é colorado.

"Deixei a rivalidade de lado. Queria muito dar um abraço nele e falar parabéns".
 

Futebol