PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Revista diz que Neymar é "exagerado" e está sendo ofuscado por Mbappé

Mbappé carrega Neymar após brasileiro marcar em PSG x Liverpool - Clive Rose/Getty Images
Mbappé carrega Neymar após brasileiro marcar em PSG x Liverpool Imagem: Clive Rose/Getty Images

Do UOL, em São Paulo (SP)

14/02/2019 16h35

Após receber críticas da revista "Four Four Two", foi a vez da "Gazzetta dello Sport" falar sobre o rumo da carreira de Neymar. O título da publicação cita que o camisa 10 do Paris Saint-Germain e seleção brasileira é 'exagerado' e, em seguida, diz que a temporada do jogador revelado pelo Santos é 'medíocre'.

A revista fala que o brasileiro passou a ser ofuscado por Kylian Mbappé, que com apenas 20 anos, já conquistou uma Copa do Mundo e já é cotado para vencer a Bola de Ouro. 

"Cristiano Ronaldo e Messi permanecem distantes. Seu crédito internacional foi diminuído, e não é pela nova lesão no quinto metatarso do pé direito, e sim pela ascensão, em particular, de seu companheiro de equipe Mbappé, novo campeão mundial e já candidato à Bola de Ouro".

Leia também:

A publicação ainda lembra que Neymar era o principal candidato para assumir o legado deixado por Cristiano Ronaldo e Messi, mas isso teria ficado para trás. A revista italiana fala que o brasileiro é um excelente 'malabarista', mas que não consegue liderar uma equipe como os outros jogadores citados. 

"Um excelente malabarista, certamente o melhor de sua geração. Mas, ao mesmo tempo, incapaz de se impor como um líder", diz a publicação. 

No fim do ano passado, a imprensa espanhola falou sobre uma possível volta de Neymar ao Barcelona. Apesar de não se concretizar, a revista afirma que esse é o desejo do jogador, mas os problemas com a receita não deixam o atacante voltar à equipe azul e grená. 

Contratado por 222 milhões de euros (cerca de R$ 936 milhões na cotação atual) em 2017, Neymar atuou em 53 partidas no PSG, marcou 48 gols e deu 27 assistências. 

Neymar se empolga em comemoração de gol do PSG e amigo brinca: "Olha o pé!"

UOL Esporte

Futebol