PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Grêmio "reseta" ataque e prepara nova disputa com contratação de Tardelli

Diego Tardelli comemora gol pelo Shandong Luneng, da China, seu antigo clube - AFP
Diego Tardelli comemora gol pelo Shandong Luneng, da China, seu antigo clube Imagem: AFP

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

13/02/2019 04h00

O Grêmio "resetou" seu ataque. A chegada de Tardelli, a saída de Jael, o acréscimo de Vizeu e André com cada vez menos espaço cria uma nova disputa em condições bem diferentes do ano passado. 

Se antes até mesmo Luan poderia ser alternativa como centroavante, agora o posicionamento dele está definido. Será atrás do último jogador da escalação o espaço ocupado em campo. 

Pelos lados, Everton segue absoluto na esquerda, mas na direita há uma nova interrogação. Marinho cresceu após o puxão de orelhas dado pela direção do clube e pelo técnico Renato Gaúcho durante as férias. O bom desempenho concorre com a chegada de Montoya, que agradou nos minutos de oportunidade que recebeu até agora. 

E no comando do setor ofensivo é que há a maior disputa. Jael, titular até então, aceitou uma oferta financeiramente muito interessante do FC Tokyo e já se despediu dos companheiros. A venda coloca R$ 2 milhões nos cofres do Grêmio. 

Felipe Vizeu chegou da Udinese por empréstimo e mesmo com apenas 75 minutos em campo já marcou dois gols. Deve receber mais chances daqui para frente. E Diego Tardelli desembarca nesta quarta com respaldo do comandante técnico. Renato Gaúcho foi quem insistiu para o clube ceder às pedidas do ex-atleticano e firmar o acordo. 

André, por sua vez, faz o caminho contrário. Após receber uma série de oportunidades e não mostrar serviço, a tendência aponta para o banco de reservas e não está descartada sua saída do clube. 

Thonny Anderson corre por fora e irá alternar entre a meia e o ataque. Seu aproveitamento dependerá muito do rendimento na temporada e da alternância entre titulares e reservas. 

Tardelli assina por três temporadas com o clube gaúcho e é considerado o principal acréscimo para 2019. 

Grêmio