PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Clube do RS relata morte e diz que diretor de futebol foi assassinado

Divulgação/Esporte Clube Guarani
Imagem: Divulgação/Esporte Clube Guarani

Pedro Sciola

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/01/2019 22h40

O Esporte Clube Guarani, de Venâncio Aires (RS), anunciou, nesta quinta-feira (17), a morte do diretor de futebol do clube, Éder Silva. Em contato com o UOL Esporte, a equipe informou que o funcionário foi assassinado a tiros em uma tentativa de assalto na casa dele, no município de Mato Leitão.

Em comunicado publicado em sua conta do Facebook, o Guarani lamentou o falecimento de Éder, que também era ex-jogador do Guarani.

"É com uma tristeza infinita no coração que comunicamos o falecimento de nosso ex-atleta e atual Diretor de Futebol Éder Silva. Éder iniciou sua trajetória no EC Guarani nas categorias de Base em 96 e teve passagem no futebol profissional. Atualmente, Éder atuava como Diretor de Futebol no Novo Projeto do EC Guarani. Um torcedor apaixonado pelo clube, que voluntariamente dedicava parte dos seus dias ao clube. Ficaram as recordações de um homem dedicado que deu e ensinou muito a todos nós", diz a nota.

"Não temos palavras para expressar os nossos sentimentos. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor", escreveu a agremiação.

Futebol