PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Por rodagem e valorização, Palmeiras aposta em empréstimos de jovens

Destaque do sub-20 do Palmeiras, Papagaio deve jogar no Atlético-MG em 2019 - Daniel Vorley/AGIF
Destaque do sub-20 do Palmeiras, Papagaio deve jogar no Atlético-MG em 2019 Imagem: Daniel Vorley/AGIF

Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

29/12/2018 04h00

Com a maior parte do planejamento para 2019 adiantado, o Palmeiras apara as últimas arestas de seu elenco visando a próxima temporada. E uma das frentes em que a diretoria trabalha é o empréstimo de jovens jogadores que devem ter pouco espaço em um grupo que tem pelo menos dois bons nomes por posição. Artur e Papagaio estão com saídas encaminhadas, e mais atletas podem seguir o mesmo caminho.

Artur, que era a principal aposta da base alviverde para esta temporada, está perto de fechar acordo para defender o Bahia no ano que vem. O atacante sofreu com duas lesões graves neste ano - uma nos ligamentos do tornozelo e uma fratura no braço -, o que prejudicou seu desenvolvimento após ser destaque na Série B 2017 pelo Londrina.

Já Papagaio foi destaque absoluto do sub-20 palmeirense em 2018, sendo artilheiro e capitão da equipe. O centroavante deve ser emprestado para o Atlético-MG, em negociação sem relação com a compra em definitivo do lateral Marcos Rocha, que está apalavrada. A expectativa da diretoria alviverde é que ele tenha muitas oportunidades de jogar no time mineiro como reserva imediato de Ricardo Oliveira.

Com essa estratégia, o Palmeiras pensa em dois pontos principais. Primeiro, dar rodagem e experiência aos jovens, que dificilmente teriam espaço para jogar mais no elenco estrelado comandado por Felipão. Segundo, valorizar os atletas no mercado. O pensamento é que, caso o jogador volte de empréstimo e continue sem espaço, o clube consiga vendê-lo por um preço vantajoso.

A diretoria palmeirense mantém mais conversas para que outros jogadores do mesmo perfil sejam emprestados, mas os nomes seguem em sigilo. Apesar de haver um desejo do clube de aproveitar mais as categorias de base, que vêm de um ano com recordes de títulos e convocações para a seleção, o entendimento de Felipão é que é muito difícil arrumar espaço para os garotos com um elenco que já deixa jogadores renomados no banco toda semana.

Para 2019, o Palmeiras já acertou a contratação de cinco nomes: o volante Matheus Fernandes, o meia Zé Rafael, os pontas Carlos Eduardo e Felipe Pires e o centroavante Arthur Cabral. Além disso, comprou em definitivo os laterais Mayke e Marcos Rocha, renovou com o zagueiro Edu Dracena e com os goleiros Jailson e Fernando Prass e ainda terá o retorno de empréstimo do meia Raphael Veiga, que se destacou pelo Atlético-PR.

Esporte