PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Cotado para assumir o United, Pochettino lamenta demissão de Mourinho

Desde 2014 no Tottenham, Pochettino está próximo de completar cinco anos no comando da equipe - Michael Steele/Getty Images
Desde 2014 no Tottenham, Pochettino está próximo de completar cinco anos no comando da equipe Imagem: Michael Steele/Getty Images

Do UOL, em São Paulo (SP)

18/12/2018 14h50

Mauricio Pochettino, técnico do Tottenham, participou de entrevista coletiva, na manhã desta terça-feira (18), que antecede o clássico contra o Arsenal, pelas quartas de final da Copa da Liga Inglesa. O argentino lamentou a demissão de José Mourinho e revelou que o relacionamento entre eles é muito bom. 

 "Eu quero enviar meus melhores desejos para ele. Eu sinto muito, porque eu tenho um relacionamento muito bom com ele. Ele é um amigo muito bom e a notícia do que aconteceu hoje [demissão do português] é muito triste", disse Pochettino. 

Especulado pela emissora BBC e pelo jornal The Guardian para assumir o Manchester United, o argentino foi questionado sobre a possibilidade de ser o sucessor do técnico português. Ele disse que não poderia responder a este tipo de pergunta, já que é um problema de outra equipe.

"Eu não posso responder esse tipo de pergunta porque este tipo de rumor acontece no futebol. Nós sabemos muito bem, muito rumores acontecem, mas não é da minha conta o que acontece em outra equipe", afirmou. 

Próximo de completar cinco anos no comando da equipe londrina, o treinador disse que está focado no trabalho que está sendo feito e quer fazê-lo da melhor maneira possível. 

"Eu estou muito focado em entregar o meu melhor para este clube e daqui pra frente temos muitos jogos complicados. Amanhã nós vamos jogar outro dérbi [contra o Arsenal] e eu acho que todos os nossos torcedores entendem que estamos focados para entregar o nosso melhor amanhã", concluiu. 

O Tottenham entra em campo na próxima quarta-feira (19), contra o Arsenal, no Emirates Stadium, pelas quartas de final da Copa da Liga Inglesa, às 17h45 (horário de Brasília). 
 

Futebol