PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Felipão defende Boca campeão da Libertadores: "não tem que jogar"

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em São Paulo

25/11/2018 19h57

O técnico Felipão opinou sobre o que aconteceu na Argentina com o ataque ao ônibus do Boca Juniors e o adiamento da final da Libertadores. Para o treinador campeão brasileiro pelo Palmeiras, o Boca está certo em não jogar e deveria ser declarado campeão da Libertadores.

“Tem precedente dizendo que há três anos aconteceu isso e o River foi declarado vencedor (Libertadores 2015, quando o Boca foi eliminado). Sendo correto, deveria ser declarado vencedor o Boca, na minha opinião, mas também não apito nada. Não tem clima para final, não devem jogar”, comentou.

“A Conmebol que decida, a Fifa que decida, o CAS que decida. Eu sinceramente não jogaria”, ressaltou Felipão.

O treinador criticou muito o ataque de torcedores do River Plate ao ônibus do Boca, que machucou atletas do clube. “Achei ridículo, achei feio, e na minha opinião o Boca está certo em não jogar. Se eu estivesse no Boca, não jogaria, porque não sei se o Pablo (Pérez), que é o grande capitão do Boca, jogador exponencial, não sei como está o problema da vista dele, mas não jogaria”, opinou.

Futebol