PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Quero comprar um clube de futebol e criar uma nova competição, diz Piqué

Piqué durante o clássico contra o Real Madrid, no Santiago Bernabéu - Gonzalo Arroyo Moreno/Getty Images
Piqué durante o clássico contra o Real Madrid, no Santiago Bernabéu Imagem: Gonzalo Arroyo Moreno/Getty Images

Do UOL, em São Paulo (SP)

23/11/2018 14h19

Os planos empreendedores de Piqué fora de campo não devem ficar restritos à Copa Davis. Em entrevista ao jornal francês L'Equipe, o zagueiro do Barcelona falou sobre suas ideias para o futuro e revelou dois projetos ousados: adquirir um clube e criar um novo campeonato.

"Estamos trabalhando em dois projetos. Um é comprar uma equipe. Peço desculpas, mas não posso dizer mais nada. O outro é criar uma nova competição de futebol ou usar uma já existente. São dois projetos muito lindos", afirmou.

Piqué foi um dos responsáveis pela idealização do documentário que anunciou a permanência de Griezmann no Atlético de Madri, junto ao Kosmos – grupo de investidores que o zagueiro faz parte. Seguindo a linha deste trabalho, o espanhol falou sobre o que esperar do torneio de futebol que planeja. 

"Kosmos é um grupo que investe no esporte, é óbvio. Mas esta competição que estamos planejando é única porque não só envolverá jogadores, mas também a países, bandeiras e hinos", explicou.

Em outubro, Piqué e Roger Federer trocaram farpas por meio de declarações. O jogador do Barcelona é um dos idealizadores da nova Copa Davis e foi acusado pelo suíço de tornar a competição na 'Copa Piqué', perdendo a essência do torneio. E o zagueiro respondeu:

"A Copa Davis não vai ser nunca a Copa Piqué. Os grandes jogadores já não jogam a Copa Davis e este torneio tem uma história incrível. Propusemos à ITF (Federação Internacional de Tênis) trocar seu formato, tem 118 anos de história. É um torneio prestigioso e precisa que os maiores estejam lá para manter o clima", disse.

"Não existe uma batalha entre nós. Estamos aqui para carregar valores, não pra entrar em uma luta. Meu objetivo é que todos trabalhemos juntos para criar uma grande competição", concluiu. 

Futebol