PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Atlético-MG define salário e acena com maior tempo de contrato por Adilson

Adilson, volante do Atlético-MG, conversa sobre possível renovação desde maio passado - Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG
Adilson, volante do Atlético-MG, conversa sobre possível renovação desde maio passado Imagem: Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

19/09/2018 04h00

O Atlético-MG avançou em relação à manutenção de Adilson. O diretor de futebol Alexandre Gallo manifestou o desejo de dar um reajuste salarial e aumentar o tempo de contrato por um acordo com o volante. Agora, eles tentam acertar os últimos detalhes do negócio para sacramentar a renovação do atleta.

A informação foi divulgada pela Rádio Transamérica e confirmada pelo UOL Esporte.

O meio-campista receberá um aumento para assinar o novo compromisso na Cidade do Galo. Os valores, contudo, não são revelados pelas partes. Outro aspecto que satisfaz os agentes do jogador é o período de contrato. O atual compromisso se encerra em fevereiro de 2019. A diretoria está disposta a fechar com ele até o fim de 2021, mesmo que o desejo inicial dos agentes fosse um acordo mais longo.

Depois de se ausentar de uma reunião na capital mineira por problemas pessoais, há cerca de duas semanas, o empresário Cristiano Manica viu parte de suas exigências serem atendidas pela cúpula mineira.

Alexandre Gallo aguarda um novo encontro com o empresário do atleta para ajustar algumas minutas do compromisso. Como o atleta já pode assinar um pré-contrato com outro clube, a diretoria tenta avançar rapidamente nas tratativas por sua manutenção.

As conversas pela renovação de Adilson se arrastam desde maio passado. À época, o diretor de futebol sinalizou com a ideia de segurá-lo até o fim de 2019. Entretanto, o período oferecido por Gallo não agradou ao estafe do volante.

De lá para cá, as partes se reuniram em mais duas ocasiões. O Atlético-MG cedeu em relação ao período contratual, mas escutou novas exigências por parte do agente.

Em conversas por telefone, as partes chegaram a um consenso em termos salariais e ainda ajustam alguns detalhes para finalizar a renovação.

Depois de iniciar o ano como reserva, Adilson se tornou titular do Atlético-MG sob a batuta de Thiago Larghi. O jogador disputou 30 partidas no ano, sendo 29 como titular e uma como reserva. O atleta ainda fez um gol no Campeonato Mineiro. 

Futebol