PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Primeiro reforço do ano, Arouca perde espaço e deve deixar o Atlético-MG

O volante Arouca disputou apenas 12 partidas pelo Atlético-MG e deve deixar o clube - Bruno Cantini/Atlético-MG
O volante Arouca disputou apenas 12 partidas pelo Atlético-MG e deve deixar o clube Imagem: Bruno Cantini/Atlético-MG

Enrico Bruno, Thiago Fernandes e Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

07/05/2018 04h00

Anunciado como reforço do Atlético-MG em dezembro do ano passado, o volante Arouca foi o primeiro dos dez jogadores contratados pelo diretor de futebol Alexandre Gallo. Pedido do então técnico Oswaldo de Oliveira, com quem tinha trabalhado no Fluminense, no Santos e no Palmeiras, o jogador de 31 anos perdeu espaço desde a saída do treinador, no começo de fevereiro, e nos próximos dias deve acertar a saída do clube, como apurou o UOL Esporte.

Arouca começou a temporada 2018 como titular, situação que permaneceu até a demissão de Oswaldo de Oliveira, que ocorreu após o sexto jogo na temporada. Desde que Thiago Larghi assumiu o comando técnico do Atlético, ele foi para o banco e fez só oito aparições em 22 jogos com o treinador interino, sendo cinco delas partindo do banco. Com Larghi, Arouca só começou nas vezes em que os titulares foram poupados. No total, foram somente 12 partidas pelo Galo.

A situação que se agravou com a contratação de Matheus Galdezani, emprestado pelo Coritiba até o fim do ano, tanto que Arouca nem sequer fez parte dos relacionados para o duelo com o São Paulo. Galdezani, que havia entrado nas três partidas anteriores do Galo, contra Vitória, Corinthians e Chapecoense, foi quem ficou no banco no Morumbi.

O primeiro a tirar o espaço de Arouca foi Adilson, que iniciou a temporada fora dos planos de Oswaldo de Oliveira. O agora titular absoluto do Atlético chegou a jogar a Florida Cup com reservas da equipe à época. O Galo disputou o torneio amistoso apenas com jogadores da base e outros que não estavam no elenco com que Oswaldo pretendia trabalhar em 2018.

O destino de Arouca será outra equipe da Série A do Campeonato Brasileiro. O nome do clube, no entanto, é mantido em sigilo, já que faltam detalhes para que a transferência por empréstimo até dezembro seja concretizada. Atualmente, Arouca tem contrato com o Palmeiras. Inicialmente, o time paulista não coloca nenhum empecilho para que um novo negócio seja realizado, já que o volante tem vínculo até o fim do ano e não terá o contrato renovado.

Para que a negociação com o Atlético fosse realizada, o Palmeiras topou pagar parte dos vencimentos do Atlético, algo que será mantido na próxima equipe de Arouca.

Futebol