PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Brasileiro que marcou contra Barça e Real agora quer melhorar assistências

Lucas Pastore

Do UOL, em São Paulo

26/08/2017 04h00

Autor do primeiro gol da atual edição do Campeonato Espanhol, Gabriel tem um projeto pessoal para a temporada. Meio-campista do Leganés, o brasileiro, que marcou contra Barcelona e Real Madrid na última campanha da equipe, quer melhorar nas assistências para ajudar o time a se livrar do rebaixamento sem passar sufoco.

Formado nas categorias de base do Resende, Gabriel defende o Leganés desde a temporada 2015/2016. Na última, fez o gol de honra na derrota por 5 a 1 para o Barcelona, pela quarta rodada do Campeonato Espanhol, e marcou também no revés por 4 a 2 para o Real Madrid, pela 30ª. Os dois jogos foram disputados no Municipal de Butarque, casa da sua equipe.

"Fiz um gol de falta contra o Barcelona, e contra o Real Madrid um que a bola sobrou na área e eu empurrei para o gol. O mais especial foi o de falta, né, por mais que o resultado não tenha sido bom. Sempre que posso, dou uma olhada naquele gol. Durante as férias, assisti muito", contou, ao UOL Esporte.

Durante a temporada 2016/2017, Gabriel participou de 34 jogos do Leganés no Espanhol, sendo titular em 33 deles, e marcou cinco gols. As atuações ajudaram o time a escapar do rebaixamento. A equipe terminou a competição com 35 pontos, na 17ª colocação. O Sporting Gijón, primeiro rebaixado, caiu com 31. Por isso, o brasileiro espera agora uma campanha sem sustos.

"A meta acho que é pelo menos uma temporada mais tranquila, que a gente não se salve só na penúltima rodada. Agora é difícil falar, a gente vai ficar sabendo mais o que podemos fazer no decorrer do campeonato. Por enquanto, não temos noção dos adversários", afirmou.

Temporada começou bem para o brasileiro

Ao menos no começo da temporada, Gabriel mostrou que será peça importante no projeto do Leganés. Na abertura do campeonato, o brasileiro de 23 anos de idade fez o gol da vitória sobre o Alavés, no Municipal de Butarque, se tornando o primeiro jogador a balançar as redes na atual edição do Espanhol.

Apesar do início artilheiro, a meta pessoal de Gabriel para a temporada não é melhorar seus números. Jogando mais recuado, em uma função tática em que se sente mais à vontade, o brasileiro pensa em dar assistências para ajudar os atacantes a marcarem.

"Nos dois últimos amistosos da pré-temporada, o técnico mudou o esquema tático. Antes jogávamos com dois meio-campistas defensivos e eu na frente deles. Agora, ele inverteu o triângulo, colocando um jogador mais preso e dois mais avançados. Tenho mais responsabilidade defensiva, que na verdade é a minha posição. Antes, vinha fazendo um meia-atacante", disse.

Apesar de atuar de maneira mais recuada, Gabriel não acha que o novo posicionamento vá comprometer sua capacidade de ajudar ofensivamente. De acordo com o brasileiro, atuar em uma posição em que está mais acostumado pode ajudá-lo a chegar mais naturalmente na frente.

"Sempre preferi jogar chegando de trás. Acho até que nessa posição a gente tem até mais chance de marcar, porque chega de surpresa. Mas como fazer gols nunca foi meu principal objetivo em campo, então acho que minha meta é dar mais assistências", declarou.

Neste domingo, com Gabriel, o Leganés visita o Espanyol, às 13h15 (de Brasília), pela segunda rodada do Espanhol. 

Futebol