PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Cruzeiro substitui investimento por trocas e costuma se dar bem no mercado

Rafael Marques chegou ao Cruzeiro em troca da liberação de Mayke - Yuri Edmundo/Light Press/Cruzeiro
Rafael Marques chegou ao Cruzeiro em troca da liberação de Mayke Imagem: Yuri Edmundo/Light Press/Cruzeiro

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

24/05/2017 04h00

Trocas se tornaram um artifício recorrente no Cruzeiro. Sem muito dinheiro em caixa para investir, o clube usa a imaginação e tenta efetuar negociações envolvendo atletas que têm contratos em vigor.

A busca por Sassá, atualmente no Botafogo, é feita desta forma. Os mineiros não querem desembolsar uma quantia considerável para tirar o atacante de 23 anos do estádio Nilton Santos. Por isso, cogitam realizar uma troca com os atletas que estão em seu elenco. Neilton, inclusive, é uma possibilidade.

O artifício, todavia, não se limita à tentativa de contratação do goleador do Alvinegro. Os mineiros tornaram esta arma um fato recorrente na Toca da Raposa II. Nos últimos 12 meses, pelo menos três atletas chegaram à capital mineira desta forma e grande parte das transações teve saldo positivo.

Lucas e Robinho desembarcaram em Belo Horizonte em uma negociação envolvendo trocas em maio do ano passado. Em contrapartida, Fabiano e Fabrício foram para o Palmeiras. O lateral direito e o meio-campista atuaram como titulares em 2016. O sucesso do jogador de criação foi tão grande que ele se tornou titular e foi trocado em definitivo pelo atacante Willian Bigode.

Em janeiro deste ano, mais uma troca benéfica para o Cruzeiro. Titular absoluto de Mano Menezes, Hudson chegou do São Paulo em detrimento da ida de Neilton ao Morumbi. A mudança foi por empréstimo até dezembro de 2017. Contudo, favoreceu somente os mineiros. O volante segue entre os prediletos da comissão técnica, enquanto o atacante está próximo de uma nova transferência. O seu destino pode ser o Vitória ou o Botafogo.

A troca mais recente da diretoria mineira no mercado da bola ocorreu ao término do Campeonato Mineiro 2017. O Cruzeiro liberou o lateral direito Mayke em troca do atacante Rafael Marques. Neste caso, ainda não foi possível detectar o benefício do time de Belo Horizonte. Contudo, o atleta recém-chegado já estreou e demonstrou felicidade com o futebol apresentado.

Futebol