PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Manu se instala na Espanha e troca Grêmio por vida em Barcelona

Manu, 10 anos, ao lado do pai em sede do Barcelona durante testes em fevereiro - Reprodução
Manu, 10 anos, ao lado do pai em sede do Barcelona durante testes em fevereiro Imagem: Reprodução

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

19/04/2017 04h00

Emanuel Ferreira, 10 anos, trocou Porto Alegre por Barcelona de vez. Ex-integrante da Escolinha do Grêmio, o menino vive na Espanha com o pai, José Ferreira, há cerca de um mês, e se adapta a uma vida bem próxima do clube catalão. A denúncia de suposto aliciamento do Barça ainda não avançou e também não há registros de que a joia esteja treinando nas instalações do time de Messi, Neymar e Suárez.

Nas redes sociais, contudo, a rotina de Manu é registrada. O diário virtual inclui festa de aniversário temática do Barcelona, itens de vestuário ligados ao clube espanhol e passeios pela cidade da Catalunha.

No fim de semana, pelo Instagram, Manu postou um vídeo chegando ao Camp Nou para assistir ao jogo contra a Real Sociedad. Horas antes, uma foto no carro foi acompanhada da legenda “Partiu treino, ousadia e alegria sempre”.

Manu, ex-Grêmio, e seu pai em postagem antes de treino em Espanha - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

A maioria das fotos são ao lado de José Ferreira, mas em outras o patriarca aparece sozinho. Às vezes ele também está acompanhado por celebridades do mundo da bola, como Ronaldinho Gaúcho. O ex-camisa 10 brilha em duas fotos com Ferreira.

O UOL Esporte procurou a família de Manu, que preferiu não se manifestar dizendo ser “cedo para qualquer prognóstico” e encerrando a mensagem com “un saludo”.

Em Porto Alegre, a mudança de Manu para Espanha já era esperada há tempos, desde a ausência do menino na reapresentação aos treinos e até pela exposição do caso na mídia. O Tricolor chegou a mudar o tom publicamente, esperando contato da família e esclarecimento para os episódios, mas não houve mudança alguma.

Emanuel Ferreira, o Manu, durante exibição na Arena do Grêmio - Lucas Uebel/Grêmio - Lucas Uebel/Grêmio
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

O departamento jurídico do Grêmio segue coletando informações para elaborar uma representação. A ideia é enviar o documento à Fifa sob o argumento de que Manu foi aliciado por intermediários ou dirigentes do Barcelona.

Entre o discurso do Grêmio de que o Barça havia aliciado Manu e sua família e a viagem, Mazinho – tetracampeão com a seleção brasileira em 1994, ligou para dirigentes gaúchos. Foi ele o responsável por um período de testes da promessa na Espanha, em fevereiro. Depois, o empresário André Cury também telefonou para a diretoria do Tricolor. Ambos negaram relação do clube catalão e descartaram interesse em Manu.

Futebol