PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Uniforme achado no avião vira decoração no bar Chapecoense, na Colômbia

Dono de bar Chapecoense, na Colômbia, exibe camisa que era de Bruno Rangel - Reprodução
Dono de bar Chapecoense, na Colômbia, exibe camisa que era de Bruno Rangel Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

22/02/2017 09h42

Um uniforme encontrado no avião que caiu em novembro virou decoração do Café Bar Chapecoense, criado em Medellín em homenagem ao clube. O empresário Juan David Pemberty, dono do estabelecimento, apresentou nas redes sociais a camisa que seria utilizada pelo atacante Bruno Rangel.

De acordo com o Estado de S. Paulo, um morador próximo à região do acidente procurou o dono do bar, oferecendo o uniforme resgatado.

Antes de colocar em um quadro no bar, Pemberty usar o uniforme em um jogo da Chapecoense no Brasil.

“Uma recordação de um guerreiro! Obrigado a todos aqueles que trazem para esta linda causa que nunca será esquecido”, escreveu o empresário.

O bar chamado Chapecoense Café Bar, possui toda a decoração em verde e branco, fotos dos jogadores, história da Chapecoense e imagens em 3D das vítimas do acidente aéreo ocorrido em  Medellín , em novembro do ano passado .

O bar fica nos arredores do estádio Atanasio Girardot, local onde seria realizado o primeiro jogo das finais da Copa Sul Americana em 2016 e após a tragédia foi feita uma grande homenagem aos jogadores, comissão técnica e jornalistas mortos na tragédia com o avião da Lamia.

O local ainda tem um quadro com imagens dos jogadores mortos e dos sobreviventes da tragédia.

Futebol