PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Abel pede, Flu negocia com Barcos e aguarda decisão do Veléz

Barcos é uma prioridade do Fluminense para a formação do time da temporada 2017 - Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio
Barcos é uma prioridade do Fluminense para a formação do time da temporada 2017 Imagem: Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

27/12/2016 11h04

O Fluminense tem o alvo definido para o comando de ataque em 2017. O argentino Hernán Barcos é um pedido do técnico Abel Braga e trata a possível transferência ao Tricolor em absoluto sigilo. A negociação não é das mais simples e o principal problema envolve o salário de nível europeu do Pirata, o que fez o Grêmio desistir de repatriá-lo.

Barcos tem contrato com o Sporting, de Portugal, até o meio de 2017. Ele está emprestado ao Vélez Sarsfield, da Argentina, pelo mesmo período, mas a liberação antes do fim do vínculo é uma possibilidade discutida entre as partes. O atacante está na reserva e disputou 11 jogos em 2016 pelo clube argentino. Foram apenas dois gols marcados, sendo um de pênalti.

Caso Fluminense e Vélez entrem em acordo, a liberação será autorizada sem problemas pelo clube português. Em entrevista ao site Globoesporte.com, o presidente do Vélez Sarsfield, Raúl Gámez, deixou aberta a possibilidade de transferência do Pirata, que tem o desejo de retornar ao Brasil.

“Nem o Fluminense, nem ninguém fez contato. Se o fizer, a gente conversa e avalia. Não vou falar em possibilidades, não descarto nada. O certo é que no dia 3 de janeiro ele tem de se reapresentar aqui”, afirmou.

Barcos teve a última boa temporada em 2015, quando fez 15 gols em 29 partidas pelo Tianjin Teda, da China. No Brasil, ele teve destaque por Palmeiras e Grêmio e busca se reencontrar na carreira aos 32 anos. O Pirata tem um apoiador fundamental na negociação com o Fluminense: o técnico Abel Braga. 

“Eu gosto muito do Barcos. Vi de perto no Grêmio na época em que estava no Inter. São vários nomes, não vou confirmar nada. Pela minha forma de jogar, gostaria de um jogador de área”, comentou à Rádio Globo.

A expectativa do Fluminense é a de que a conversas com Barcos evoluam nos primeiros dias de janeiro. Até o momento, o clube confirmou apenas os equatorianos Sornoza e Orejuela como reforços para 2017.

Futebol