PUBLICIDADE
Topo

Santos e Napoli acertam tempo de empréstimo de Vargas, mas discutem valor

Chileno deve defender o time da Vila Belmiro por empréstimo de um ano e meio - Lucas Uebel/Preview.com
Chileno deve defender o time da Vila Belmiro por empréstimo de um ano e meio Imagem: Lucas Uebel/Preview.com

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

14/12/2013 06h00

O período de empréstimo do atacante Vargas, um dos principais empecilhos para a transferência do chileno ao Santos, já foi resolvido. O Napoli, da Itália, que detém os direitos econômicos do atleta, aceitou emprestá-lo até julho de 2015. No entanto, o acordo ainda não foi fechado, pois os clubes divergem no valor da transação.

O UOL Esporte apurou que o Napoli pede 400 mil euros (cerca de R$ 1,2 milhões) a mais em relação à última proposta feita pela diretoria do Santos. O clube brasileiro não concordou com o valor e promete enviar outra contraproposta nos próximos dias. Os italianos não se mostraram irredutíveis e avisaram que aguardam a nova oferta.

Após fechar o valor total da transação, o Santos pretende utilizar a dívida do goleiro Rafael, negociado com os italianos em junho deste ano, para abater o preço do empréstimo.

Rafael foi vendido ao Napoli por R$ 16 milhões. Como detinha 70% dos direitos econômicos, o Santos tem direito a R$ 11 milhões do montante, pagos em duas parcelas. A primeira parte já foi paga, mas o clube paulista quer utilizar o crédito restante, de 2014, para facilitar a contratação de Vargas.

Entre Santos e Vargas já está tudo acertado há mais de duas semanas. O chileno já confirmou que pretende defender a equipe santista na próxima temporada e aceitou receber o mesmo salário que ganhava no Grêmio – cerca de US$ 120 mil (aproximadamente R$ 270 mil) mensais.

Além de Vargas, o Santos está próximo de anunciar a contratação do atacante Leandro Damião, do Internacional, e segue negociando com o meia Diego, campeão brasileiro de 2002 pelo clube e que atualmente joga no Wolfsburg, da Alemanha.

Os possíveis reforços ficarão à disposição do técnico Oswaldo de Oliveira, que fechou contrato de um ano com o Santos e será apresentado no dia 6 de janeiro, mesma data da reapresentação do elenco para a temporada de 2014. 

O ex-treinador do Botafogo receberá R$ 400 mil mensais na Vila Belmiro. Até o dia 31 de dezembro, no entanto, Oswaldo de Oliveira não poderá se pronunciar como treinador do Santos, porque tem contrato com o Botafogo até a data.

Futebol