PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Inter de Milão avança nas negociações por Tevez e irrita dirigentes do rival Milan

Afastado no Manchester City, Tevez interessa ao rivais Inter de Milão e Milan - Alex Livesey/Getty Images
Afastado no Manchester City, Tevez interessa ao rivais Inter de Milão e Milan Imagem: Alex Livesey/Getty Images

Das agências internacionais

Em Roma (Itália)

07/01/2012 10h09

A Inter de Milão avançou nas negociações com o atacante Tevez, que pertence ao Manchester City (Inglaterra), o que desagradou os dirigentes do rival Milan, que afirmam ter um acordo com o jogador e esperam uma resposta da equipe inglesa.

Segundo os jornais italianos Corriere dello Sport e La Gazzetta dello Sport, o presidente da Inter, Massimo Moratti, deu instruções aos seus comandados para que tente, fechar a negociação com o Manchester City nas próximas horas ou até a próxima segunda-feira.

A ideia da Inter é propor o empréstimo do jogador com a obrigação da compra posterior dos direitos do jogador. A imprensa italiana afirma que equipe de Milão está disposta a pagar entre 25 e 27 milhões de euros para contar com o atacante argentino. Esse valor seria parcelado em três ou quatro anos.

Enquanto isso, a proposta do Milan pelo jogador foi rejeitada pelo City. O time de Robinho, Pato e cia queria empréstimo gratuito do jogador e não garantia a compra ao final da temporada.

Nos últimos dias, Tevez se reuniu com Adriano Galliani, dirigente do Milan, no Rio de Janeiro, e escutou que a clube fez uma nova proposta para a equipe inglesa, em que garante a compra do jogador por 24 milhões de euros desde que Robinho ou Pato não integrem mais o elenco do Milan.

De acordo com a imprensa europeia, Alexandre Pato estaria na mira do PSG, mas o relacionamento com Bárbara Berlusconi, filha do proprietário do Milan, Silvio Berlusconi, dificulta a transferência.

Além de Pato, a equipe francesa também teria interesse em Tevez. O técnico do PSG, o italiano Carlo Ancelotti, teria entrado em contato com o compatriota Roberto Mancini, treinador do City, e afirmado que a sua equipe está disposta a desembolsar 35 milhões de euros para contar com o argentino já a partir de janeiro.

Esporte