PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Possíveis excluídos da lista de Mano mostram resignação sobre vaga na C. América

Alexandre Sinato, Bruno Freitas e Thales Calipo

Em São Paulo

06/06/2011 16h18

A partida contra a Romênia no Pacaembu nesta terça-feira marcará o encerramento da fase de observação de Mano Menezes antes da divulgação da lista de convocados para a Copa América, que será tornada pública logo depois do amistoso em São Paulo. Em um grupo que passará de 27 para 22 jogadores, alguns jogadores já falam com resignação sobre o possível corte para o torneio na Argentina.

O caso mais óbvio da conclusão da lista está entre os goleiros. Mano convocou quatro nomes para os amistoso contra Holanda e Romênia, mas poderá somente levar dois para a Copa América. Julio Cesar foi dispensado do compromisso em São Paulo na terça, mas tem presença certa por sua condição de titular. A expectativa é que o gremista Victor fique com a outra vaga.

Por isso, o botafoguense Jefferson e o cruzeirense Fabio participam do jogo contra a Romênia já com o discurso de novas oportunidades no futebol da seleção brasileira.

“A gente sabe que vão apenas dois goleiros. Por isso, se não for convocado, vou continuar trabalhando para voltar à seleção mais para frente. Mas o que tiver que acontecer vai acontecer”, afirmou Jefferson antes do treino desta segunda no Pacaembu.

“Se não for desta vez, se ficar fora da Copa América, vou continuar meu trabalho no Cruzeiro para ter outras oportunidades”, disse Fabio, convocado pela primeira vez por Mano Menezes.

Da relação reunida para os testes contra Holanda e Romênia, Mano convocou o número padrão de laterais e zagueiros, quatro para cada posição. Além dos goleiros, o excedente ficou para o meio-campo e o ataque. A tendência é que jogadores destes dois setores sejam cortados para a lista final.

O jovem Henrique está no grupo que teoricamente corre por fora para uma vaga na Argentina. O volante do Cruzeiro ainda não jogou com Mano, mas mantém um fio de esperança para seguir dentro do grupo.

“Sempre importante estar no grupo, e se tiver a oportunidade vou estar preparado e espero corresponder para conseguir meu objetivo que é estar na lista final para a Copa América”, afirmou o meio-campista.

Após empatar por 0 a 0 com a Holanda em Goiânia no último sábado, a seleção enfrenta a Romênia nesta terça, no compromisso que também serve para marcar a despedida oficial de Ronaldo dos campos. A partida amistosa acontece às 21h50 (horário de Brasília).

Esporte