PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Domingo tem decisão. Flamengo, Inter e o VAR

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

14/02/2021 18h22

No próximo domingo, Flamengo e Inter se enfrentam no Maracanã. Faltam duas rodadas e o Inter é líder, com um ponto e seis gols de saldo de vantagem.

Se vencer, o Inter será campeão. Se vencer, o Flamengo ficará dois pontos à frente e precisará vencer o São Paulo na última rodada, enquanto o Inter enfrenta o Corinthians em casa.

Os gigantes não estarão sós na decisão. O VAR estará nos três jogos. Poderá ser protagonista, como foi na rodada de hoje.

Em São Januário, foi fundamental na presença e na ausência. Por estar descalibrado não foi utilizado para definir se o gol do Inter foi correto. Depois, confirmou um pênalti inexplicável a favor do Vasco. Cano perdeu.

No Maracanã, lá estava o VAR para considerar válido o segundo gol do Flamengo. Utilizou linhas, eixos, imagens em 3D, diretamente de um software instalado em um satélite do Azerbaijão. Estava impedido ou não? A dúvida continua. Para fica assim, precisa de VAR?

E Rafael Traço foi mal na aplicação dos cartões. Carregou a defesa corintiana.

Não, é preciso dizer, que maculasse a vitória do Flamengo, melhor em campo.

Gabigol, Thiago Galhardo, Arrascaeta, Dourado. .Estão todos nas mãos dos Gaciba's boys. Os que ficam em campo e os que exercem a profissão na cabine.

Menon