PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

Ralf foi parar no Avaí. Culpa de Tiago Nunes

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

23/05/2020 04h07

Várias vezes nos deparamos com algumas, digamos, charadas semióticas.

Quem nasceu primeiro, o ovo ou a galinha?

Biscoito vende mais porque è fresquinho ou é fresquinho por que vende mais?

E o Ralf?

O fato de ir para o Avaí jogar a Série B significa que Tiago Nunes estava certo em afastá-lo do elenco do Corinthians?

Ou a injustiça de Tiago Nunes o deixou jogado em um mercado fechado para clubes da Série A?

São suposições, mas há alguns fatos.

A carreira de Ralf chegou a um ponto ruim. Vai precisar jogar muito para voltar a um grande clube.

Ralf não se adapta ao estilo de Tiago Nunes.

Ralf joga muito mais que Richard.

Ralf joga mais que Wellington. Quem? O volante revelado pelo São Paulo e que foi titular do Furacão, com Tiago Nunes.

Camacho era volante de saída de bola no Furacão. No Corinthians, foi deslocado para volante de marcação, o "cinco", posição de Ralf.

Gabriel e Araos também jogaram por ali.

Vou dar minha opinião. Ralf poderia jogar ainda no Corinthians. O time não melhorou com sua saída (muito pelo contrário).

E a sua?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Menon