PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Na estreia oficial de Bauza, São Paulo empata com Red Bull em jogo nervoso

Do UOL, em São Paulo

30/01/2016 21h24

Edgardo Bauza não venceu em seu primeiro jogo oficial no comando do São Paulo. Na estreia do treinador, a equipe paulista ficou no empate por 1 a 1 com o Red Bull Brasil neste sábado (30), no Moisés Lucarelli. Paulo Henrique Ganso e Roger anotaram no confronto da primeira rodada do Campeonato Paulista, que ficou marcado pelo nervosismo dos dois times.

O clube tricolor terminou a partida com cinco cartões amarelos, enquanto o Red Bull foi punido três vezes, fato que reflete como foi o clima de animosidade entre os adversários. O empate deixou ambos os times com um ponto, o que coloca o São Paulo na liderança provisória do Grupo C e o time de Campinas no terceiro lugar do Grupo D, que é o mesmo do Corinthians.

A próxima partida do São Paulo será a estreia na Copa Libertadores, contra o Universidad César Vallejo, fora de casa. Válido pela fase preliminar do torneio continental, o jogo será na próxima quarta-feira (3), às 21h45 (de Brasília). No Paulista, o clube tricolor recebe no próximo sábado (6), pela segunda rodada, o Água Santa.

O Red Bull Brasil realiza seu segundo compromisso no Estadual na quarta-feira, fora de casa, diante do Capivariano.

O jogo

Na bola parada, o São Paulo por pouco não saiu na frente logo no começo, em uma cobrança de falta de Michel Bastos. O capitão mandou na área e Breno desviou, acertando o travessão de Saulo. Apesar da melhor chance no começo, a equipe da capital foi controlada inicialmente pelo Red Bull Brasil, que teve mais posse de bola na primeira metade da etapa inaugural e deu trabalho à defesa são-paulina – embora sem exigir defesas difíceis de Denis.

Com o passar do tempo, o time tricolor se soltou no gramado do Moisés Lucarelli, criando jogadas perigosas especialmente com Michel Bastos, que arriscou finalizações de fora da área e chegou perto de abrir o placar. O ritmo diminuiu com a proximidade do intervalo, mas Paulo Henrique Ganso colocou o São Paulo a frente aos 44min, de cabeça, desviando escanteio batido por Michel Bastos.

De volta dos vestiários, a equipe comandada por Edgardo Bauza mostrou a postura de quem estava disposto a ampliar a vantagem. Agressivo, o time da capital foi ao ataque e dominou o adversário, mantendo-o acuado no campo de defesa. Alan Kardec teve oportunidade clara de ampliar aos 12min, fintou Saulo e caiu dentro da área, porém a arbitragem nada marcou, para reclamação do atacante.

Sem aproveitar as chances criadas, o São Paulo tomou um susto aos 21min, em um contra-ataque do Red Bull. Willie aproveitou o lance para bater firme da entrada da área e acertar a trave esquerda de Denis. Três minutos depois, em uma cobraça de escanteio, Lucão segurou Roger e o juiz Marcelo Rogério marcou pênalti. Roger se encarregou da cobrança e não deu chances a Denis, empatando o jogo e definindo o placar aos 25min.

FICHA TÉCNICA
RED BULL BRASIL 1 X 1 SÃO PAULO

Data e horário: 30 de janeiro de 2016, às 19h30 (de Brasília)
Local: Estádio Moisés Lucarelli
Árbitro: Marcelo Rogério
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Mauro André de Freitas
Cartões Amarelos: Luan, Roger, Thiago Galhardo (Red Bull Brasil); Paulo Henrique Ganso, Breno, Alan Kardec, Hudson, Lucão (São Paulo)
Gols: Paulo Henrique Ganso, aos 44min do primeiro tempo (São Paulo); Roger, aos 25min do segundo tempo (Red Bull Brasil)

Red Bull Brasil: Saulo, Everton Silva, Willian Magrão, Dráusio e Willian Rocha; Luan (Maylson), Nando Carandina e Thiago Galhardo; Igor Sartori (Willie), Misael (Maxwell) e Roger.
Técnico: Maurício Barbieri

São Paulo: Denis, Bruno, Rodrigo Caio, Breno (Lucão) e Eugenio Mena; Thiago Mendes, Hudson e Paulo Henrique Ganso (Rogério); Michel Bastos, Alan Kardec e Centurión (Carlinhos)
Técnico: Edgardo Bauza

Futebol