PUBLICIDADE
Topo

Esporte

PSG fala em "decisão" e duelo contra o Napoli vira termômetro da temporada

Neymar fica cabisbaixo no jogo do PSG contra o Napoli - YOAN VALAT/EFE
Neymar fica cabisbaixo no jogo do PSG contra o Napoli Imagem: YOAN VALAT/EFE

João Henrique Marques

Do UOL, em Paris

25/10/2018 12h09

O empate por 2 a 2 contra o Napoli, no Parque dos Príncipes, em Paris, na noite de quarta-feira (24), deixou o Paris Saint-Germain com um pensamento: o jogo de volta contra os italianos, em Nápoles, no dia 6 de novembro, será uma "final de campeonato" para o clube que tem a Liga dos Campeões como seu grande objetivo na temporada. "Decisão" foi a palavra em comum nos discursos de jogadores e do treinador Thomas Tuchel em busca de evitar um gigantesco fracasso.

Após três jogos disputados no grupo C da Liga dos Campeões, o Liverpool lidera com seis pontos, seguido do Napoli  com cinco. O PSG está em terceiro, com quatro, enquanto o Estrela Vermelha é o 'lanterna' com um ponto.

"Para mim era um jogo de 180 minutos e passou o primeiro. Agora vamos para a decisão fora de casa. Temos que encarar dessa maneira e ter o espírito necessário para tal grandeza", destacou Tuchel.

"Já nos vestiários comentávamos que agora será final. O gol do Di Maria no fim serve para nos dar esse ânimo e vamos encarar o duelo na volta com uma pegada diferente", endossou Marquinhos.

Com o título francês, encarado como obrigação por dirigentes e torcedores, já encaminhado – PSG tem 100% de aproveitamento com 10 vitórias -, o desafio de conquista inédita da Liga dos Campeões é a prioridade no clube. Em grupo complicado, o duelo contra o Napoli virou um termômetro do que será a temporada do PSG.

"Vaga na Liga Europa (para o terceiro lugar) não é consolo. É fracasso. O PSG precisa ganhar fora de casa e se impor diante do Liverpool", apontou o jornal L’Equipe nesta quinta-feira (25).

“Aqui não temos um clima de desânimo. Sabemos que estamos diante de uma decisão na temporada e vamos jogar com garra em Nápoles. Sabemos da força do adversário em sua casa, mas o PSG precisa se impor seja qual for o campo do mundo”, destacou o italiano Verratti.

Para não se complicar de vez na chave, o PSG não pode perder para o Napoli. Caso seja derrotado, estacionará nos quatro pontos, enquanto o time italiano irá a oito. Já o Liverpool é favorito contra o Estrela Vermelha e chegaria aos nove em caso de triunfo fora de casa.

Do outro lado da moeda, o PSG estará em situação favorável se vencer o Napoli. Se isso ocorrer, assumiria a segunda colocação da chave e teria a possibilidade de lutar pela liderança do grupo nas últimas duas rodadas, diante de Liverpool e Estrela Vermelha.

Esporte