PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Até algoz da Roma se rende a Alisson: 'Atuação extraordinária', diz Fred

AP Photo/Efrem Lukatsky
Imagem: AP Photo/Efrem Lukatsky

Do UOL, em São Paulo

21/02/2018 20h21

Autor do gol que assegurou a vitória de virada do Shakhtar Donetsk por 2 a 1 sobre a Roma, nesta quarta-feira (21), em Carcóvia, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, o meia brasileiro Fred não exaltou apenas o resultado de sua equipe, que dependerá de um empate no dia 13 de março, na Itália, para avançar no torneio europeu.

Fred também não poupou elogios ao compatriota Alisson, goleiro da Roma, que evitou um placar mais elástico a favor dos ucranianos no Metalist Stadium.

"Tenho de parabenizar o Alisson, que teve uma atuação extraordinária, com grandes defesas", afirmou o jogador do Shakhtar, por meio de sua assessoria de imprensa.

O goleiro titular da seleção brasileira realizou defesas milagrosas em chutes de Marlos e Taison, ambas no segundo tempo, quando o placar ainda estava empatado em 1 a 1. Alisson, no entanto, não conseguiu evitar o gol de Fred, em bela cobrança de falta.

"Esse gol tem um gosto muito especial. Além de ter sido o meu primeiro nessa edição da Champions, foi em cima do goleiro da nossa seleção e ainda nos deu vantagem importante para o jogo de volta", analisou o meia. "Conseguimos nos comportar bem, principalmente no segundo tempo, e tivemos a calma e a frieza para tocar a bola, não deixar o ritmo cair e conquistar a virada", completou.

Elogiado por adversários, companheiros e jornalistas após a partida desta quarta-feira, Alisson deixou a avaliação pessoal de lado para lamentar o resultado. "Fizemos o primeiro gol e nosso primeiro tempo foi quase perfeito. Mas quando você deixa espaço para uma equipe como o Shakhtar, eles têm muita qualidade para feri-lo. Obviamente, o 2 a 1 não foi o resultado que queríamos, mas estamos vivos", afirmou.

Esporte