PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Cristiano Ronaldo faz dois e garante virada da líder Juventus no Italiano

Craque português foi o nome da partida em Empoli  - Marco Bertorello/AFP
Craque português foi o nome da partida em Empoli Imagem: Marco Bertorello/AFP

Do UOL, em São Paulo

27/10/2018 14h55

A Juventus contou com o brilho de Cristiano Ronaldo para derrotar o Empoli por 2 a 1 de virada neste sábado (27), fora de casa, e seguir tranquila na liderança do Campeonato Italiano. 

Caputo abriu o placar para os anfitriões na etapa inicial, mas o português, com um gol de pênalti e outro em belo chute de fora da área, espantou a zebra e definiu o resultado final.

A Juve agora chega a 28 pontos (nove vitórias e um empate), a sete do Napoli, vice-líder que ainda joga na rodada. Já o Empoli soma apenas seis e permanece na zona do rebaixamento. 

A equipe de Turim volta a campo no próximo sábado, 3 de novembro, quando recebe o Cagliari. Um dia antes, o Empoli abre a rodada em duelo contra o Napoli fora de casa. 

O melhor: Cristiano Ronaldo

Mais uma grande atuação para a conta do craque português, que participou diretamente de dez dos últimos 14 gols da equipe de Turim no Italiano - marcando sete e dando assistência para outros três. Ele é vice-artilheiro do torneio, atrás apenas do polonês Piatek, do Genoa (oito gols). 

O pior: Bennacer

O meio-campista argelino se enrolou todo na saída de bola e acabou cometendo pênalti em Dybala, que culminou no gol de empate da Juventus e custou caro para os donos da casa. 

Desfalque de última hora

O zagueiro Chiellini sofreu uma lesão muscular durante aquecimento para a partida e foi substituído por Rugani na defesa da Juve. Já o lateral Cancelo e o meia-atacante Cuadrado, titulares na vitória do meio de semana contra o Manchester United, pela Liga dos Campeões, iniciaram no banco. 

Esfriando rumor

Antes do jogo, o vice-presidente da Juventus, Pavel Nedved, falou à “Sky Sport” sobre um possível retorno de Paul Pogba ao clube. “Ele é um excelente jogador, talvez um dos melhores do mundo, mas joga no Manchester United. Não devemos falar sobre ele”, disse.

Brasileiros da Juve

O lateral esquerdo Alex Sandro foi mais uma vez titular do time do técnico Massimiliano Allegri contra o Empoli. Douglas Costa, que voltou a atuar na rodada anterior após ser suspenso por cuspir em um adversário, começou entre os reservas e só entrou aos 34 minutos da etapa final, na vaga de Pjanic. 

Zebra à vista?

Como esperado, a Juventus começou o jogo no campo de ataque, mas teve muita dificuldade para encontrar espaços diante da bem postada defesa da equipe da casa, só assustando na etapa inicial em chutes de longe e em uma fraca cabeçada de CR7. Para piorar, o Empoli foi letal e abriu o placar em uma rara chance. Aos 27 minutos, Caputo acertou um belo chute no canto direito de Szczesny após grande jogada de Acquah e corte parcial da zaga.

Pressão e empate

A Juve deu mostras de que acordou no retorno para o segundo tempo. Logo aos 3 minutos, Alex Sandro parou em defesa de Provedel e na sequência Pjanic acertou o travessão. Já aos 9, Bennacer derrubou Dybala na área. Pênalti, que CR7 converteu. Foi o primeiro dele da marca da cal atuando por clubes desde o dia 11 de abril. Na ocasião, ainda pelo Real Madrid, ele anotou o penal que custou a polêmica eliminação da Juve no torneio continental.

Ele resolve

Os visitantes partiram em busca da virada e contaram com o brilho de Cristiano Ronaldo para consegui-la. Aos 25, ele recebeu de Matuidi e acertou belo chute de direita de fora da área, no ângulo do goleiro. A partir daí, a Juve só administrou a vantagem, chegou a levar sustos na bola área no fim, mas conseguiu somar mais três pontos na busca pelo oitavo título seguido nacional.

Ficha técnica

Empoli 1 x 2 Juventus

Data: 27/10/2018
Local: Estádio Carlo Castellani, em Empoli (Itália)
Hora: 13h (de Brasília)
Cartões amarelos: Traore e Uçan (Empoli); Bernardeschi, Bentancur e Dybala (Juventus)
Cartões vermelhos: Nenhum

Gols: Caputo, aos 27 minutos do primeiro tempo. Cristiano Ronaldo, aos 9 e aos 25 minutos do segundo tempo. 

Empoli: Provedel; Di Lorenzo, Silvestre, Maietta e Antonelli (Pasqual); Acquah, Bennacer e Traore (La Gumina); Krunic e Zajc (Uçan); Caputo. TécnicoAurelio Andreazzoli.

Juventus: Szczesny; De Sciglio (Barzagli), Bonucci, Rugani e Alex Sandro; Bentancur, Pjanic (Douglas Costa) e Matuidi; Bernardeschi (Cuadrado), Dybala e Ronaldo. Técnico: Massimiliano Allegri

Esporte