PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Após hat-trick e quebra de recordes, Aguero é alvo de brincadeira do juiz

Após hat-trick de Aguero, árbitro Mike Dean escondendo a bola do jogo do argentino - Carl Recine/Reuters
Após hat-trick de Aguero, árbitro Mike Dean escondendo a bola do jogo do argentino Imagem: Carl Recine/Reuters

Do UOL, em São Paulo

10/02/2019 19h45

Autor de três gols, Sergio Aguero foi o melhor jogador do Manchester City na goleada por 6 a 0 sobre o Chelsea, neste domingo (10), pela 26ª rodada do Campeonato Inglês. E a performance do argentino quebrou alguns recordes do torneio e do clube. 

Este foi o 11º hat-trick do argentino na Premier League, igualando o recorde de Alan Shearer. Atrás dos dois estão Robbier Fowler, com nove, Thierry Henry, Harry Kane e Michael Owen com oito cada. 

Dos 11 hat-tricks de Aguero, nove deles foram no Etihad Stadium. Este é o maior número em um mesmo estádio, quebrando a marca de Thierry Henry, que tinha oito no Highbury, antigo estádio do Arsenal até a inauguração do Emirates Stadium. 

Aguero também se consolidou como o maior artilheiro da história do clube em competições da elite inglesa, com 160 gols. Ele está com dois gols acima de Tommy Johnson e Eric Brook, que jogaram no clube entre as décadas de 1920 e 1940. 

Aguero já é o maior artilheiro da história do City, com 220 gols somando todas as competições. 

Árbitro brinca com Aguero
Como é de costume, quem faz três gols, leva a bola do jogo para casa. No banco desde os 20 minutos do segundo tempo, quando foi substituído por Gabriel Jesus, Aguero foi na direção do árbitro Mike Dean ao fim da partida. 

Já sabendo que o argentino o procuraria, o juiz escondeu a bola na parte de trás da camisa e fingiu não saber onde ela estava. Após risadas, o árbitro cumprimentou Aguero pelo hat-trick e o entregou a bola. 
 

Esporte