PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Manchester City perde mais uma, e Liverpool dispara no Campeonato Inglês

Time do brasileiro Danilo abriu o placar aos 13 e sofreu empate cinco minutos depois - Carl Recine/Action Images via Reuters
Time do brasileiro Danilo abriu o placar aos 13 e sofreu empate cinco minutos depois Imagem: Carl Recine/Action Images via Reuters

Do UOL, em São Paulo

26/12/2018 14h51

O Manchester City vacilou outra vez na briga com o Liverpool pela liderança do Campeonato Inglês. Depois de ser derrotado em casa pelo Crystal Palace na rodada passada, o time dos brasileiros Ederson e Danilo perdeu para o Leicester nesta quarta-feira, no "Boxing Day" da 19ª rodada, por 2 a 1 - depois de dois gols marcados no intervalo de cinco minutos, ainda no primeiro tempo, Ricardo Pereira virou o placar com um golaço na etapa complementar. Assim, o City fica estagnado em 44 pontos e permite que o Liverpool, que venceu o Newcastle no mesmo horário, abra sete pontos de vantagem. Até o brasileiro Fabinho marcou na goleada por 4 a 0.

A preocupação mais próxima do Manchester City agora é o Tottenham, que venceu o Bournemouth e avançou aos 45 pontos, roubando a segunda colocação da equipe de Pep Guardiola. Nesta quarta o time não contou com os brasileiros Fernandinho e Gabriel Jesus.

O próximo desafio do Manchester City é o Southampton no domingo, de novo como visitante. Já o Leicester, que venceu Chelsea e Manchester City em sequência, recebe o Cardiff no próximo sábado. 

Ataque potente...

Bernardo Silva e Aguero - Darren Staples/Reuters - Darren Staples/Reuters
Aguero saiu da área para permitir a infiltração de Bernardo Silva, que marcou
Imagem: Darren Staples/Reuters

O Manchester City tomou a iniciativa desde o começo e já abriu o placar aos 13 minutos do primeiro tempo. A qualidade no passe dos defensores surtiu efeito mais uma vez, e Laporte achou Aguero bem posicionado na entrada da área, fora da referência. O argentino abriu espaço para a entrada de Bernardo Silva e fez o passe preciso. Após a infiltração, o português bateu na saída de Schmeichel e transformou a superioridade do time de Manchester em resultado.

... e defesa vulnerável

Albrighton - Carl Recine/Action Images via Reuters - Carl Recine/Action Images via Reuters
Albrighton cabeceou no contrapé de Ederson após cruzamento de Vardy
Imagem: Carl Recine/Action Images via Reuters

Apesar do baixo número de finalizações e pouco mais de 30% de posse de bola, o Leicester mostrou força cinco minutos depois. Ou melhor, o City mostrou que sua queda defensiva é acentuada e deu espaço para o time da casa empatar. Vardy saiu da área para receber do lado esquerdo, entrou na área e fez o cruzamento curto, na segunda trave. Albrighton apareceu e cabeceou no contrapé de Ederson para empatar. Foi a primeira finalização do Leicester aproveitando a vulnerabilidade da defesa adversária, que deu espaço nas costas da marcação.

Mais do mesmo

Pep Guardiola - Carl Recine/Action Images via Reuters - Carl Recine/Action Images via Reuters
Primeira substituição do City foi apenas aos 24 minutos do segundo tempo
Imagem: Carl Recine/Action Images via Reuters

Na sequência, Aguero recebeu cruzamento na área após jogada baseada na força física e insistência de Sané, mas bateu de canela e a bola passou por cima do travessão. Ainda no primeiro tempo, o Leicester se soltou e Ederson precisou fazer duas boas defesas, em finalizações de Vardy e Choudhury. A etapa complementar começou na mesma toada: domínio de posse de bola sem real pressão do Manchester City e aposta nos contra-ataques, mas sem precisão, do Leicester. Claude Puel e Pep Guardiola tentaram mudar o jogo a partir da metade do segundo tempo, a começar pelas entradas de Demarai Gray e David Silva. 

E deu zebra

Ricardo Pereira - Darren Staples/Reuters - Darren Staples/Reuters
Ricardo Pereira marcou o gol da vitória, teve boa atuação e ainda cavou expulsão
Imagem: Darren Staples/Reuters

Um golaço de Ricardo Pereira aos 35 minutos do segundo tempo fez o Leicester virar o placar jogando em casa. Após cobrança de escanteio do lado direito do ataque, a defesa do City conseguiu o corte parcial, mas a bola sobrou no pé do lateral, que arriscou uma pancada e não deu nem possibilidade de reação a Ederson. Um golaço.

Na sequência, Guardiola acionou Mahrez, ex-jogador do próprio Leicester, mas viu sua estratégia atrapalhada: Delph acertou um carrinho em Ricardo Pereira e foi expulso aos 43 minutos do segundo tempo. Não tinha saída: agora são duas derrotas consecutivas do Manchester City. 

Esporte