PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Corinthians

Carille se diz "muito satisfeito" com atuação do Corinthians: "Melhor jogo"

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

15/02/2019 00h18

O empate por 1 a 1 contra o Racing Club (ARG) teve a melhor atuação do Corinthians na temporada, avalia Fábio Carille. Em entrevista coletiva após o jogo da primeira fase da Copa Sul-Americana, o treinador aprovou o desempenho do time e valorizou a evolução em relação às partidas anteriores.

"Gostei do time hoje, para mim foi o melhor jogo. Eu disse que [contra o Racing] seria o maior desafio neste início, porque eles lideram Campeonato Argentino e ficaram pouco tempo parados no final do ano", explicou Carille na sala de imprensa da Arena Corinthians. "Gostei muito da atuação, mesmo errando muito, porque o Racing é um time bem montado. Mas saí muito satisfeito com o desempenho da equipe", reforçou.

Foi o terceiro tropeço seguido do Corinthians, que precisou contar mais uma vez com Gustavo para livrar-se da derrota pela bola aérea. A formação inicial não funcionou com três jogadores afundados como atacante, e a equipe só viveu bom momento quando Carille apostou em pontas e velocidade.

São apenas duas vitórias em oito partidas nesta temporada, mas Carille não se mostrou desapontado na coletiva. "[A evolução da equipe] Está normal. Lembro que no ano passado, em uma época dessa, nós perdemos dois jogos seguidos. Hoje são 14 ou 15 jogadores que não trabalharam comigo, com minha comissão", repetiu o técnico, em ressalva que sempre faz sobre o desempenho do time.

Pouco dado a brincadeiras em público, o treinador até tirou onda com Gustavo, que deu entrevista ao seu lado. "Ainda bem que me agradeceu, senão estaria fora do jogo domingo [contra o São Paulo]", brincou após o centroavante falar da confiança que ganha da comissão técnica.
Carille voltou a interagir com seu comandado logo em seguida. "Foram dez gols sofridos e sete de bola aérea ou bola que voltou. Isso eu trabalhei muito ontem. Não foi?", perguntou a Gustavo, que confirmou com a cabeça. "Trabalhamos muito. Ainda acho que a gente vai muito para o lado da bola. São detalhes que são mais na base da conversa, mas a resposta está sendo legal", avaliou.

O empate por 1 a 1 mantém a disputa aberta para o segundo jogo entre Corinthians e Racing, a ser disputado em Avellaneda no próximo dia 27. Se o placar se repetir, a decisão vai aos pênaltis; enquanto uma igualdade com mais gols beneficia o Corinthians pelo critério de gols fora de casa.

Corinthians