PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Palmeirenses veem gol anulado na ida como "determinante" para eliminação

Do UOL, em São Paulo

27/09/2018 00h59

O volante Felipe Melo e o atacante Dudu elogiaram a equipe do Cruzeiro após o empate por 1 a 1 que eliminou o Palmeiras da Copa do Brasil nesta quarta-feira (26), no Mineirão, mas não deixaram de lembrar do polêmico lance na partida de ida, vencida pelos mineiros por 1 a 0 no Allianz Parque. Na última jogada daquele duelo, um gol alviverde anulado causou revolta do time paulista.

"Não temos que chorar o leite derramado. Parabéns ao rival, que passou. Mas foi determinante (o gol anulado)", disse Felipe Melo. "Tiraram um gol nosso que no mínimo levaria a decisão para os pênaltis. Pensamos em coisas grandes. Saímos chateados, com raiva, porque o Palmeiras tinha que estar nas finais, mas foi determinante o que aconteceu no primeiro jogo".

"Jogamos contra um time bem armado, muito forte defensivamente, faz poucos gols, mas recebe pouquíssimos gols. Em uma bobeira nossa, eles fizeram 1 a 0, e fomos guerreiros de conseguir o empate. Mas vamos voltar a trabalhar e temos domingo um jogo importante contra eles (pelo Brasileirão). E saber sentir essa dor, porque é complicado sair de uma competição quando o primeiro jogo é muito determinante", completou o volante.

Dudu seguiu pelo mesmo discurso e lamentou a jogada da partida de ida. Na ocasião, o árbitro Wagner Reway apitou uma falta de Edu Dracena em cima do goleiro Fábio antes que Antônio Carlos finalizasse para o gol. Como ele marcou a infração antes de o gol sair, em vez de deixar o jogo seguir, não pôde rever a jogada no vídeo.

"O Cruzeiro é uma grande equipe, mas saímos por um erro, que anulou um gol válido. Poderíamos ter ido para os pênaltis. Estamos em dois campeonatos pela frente e vamos pensar no Brasileirão", disse o camisa 7.

Agora fora da Copa do Brasil, o Palmeiras reencontrará o Cruzeiro neste domingo (30), no Pacaembu, desta vez pelo Campeonato Brasileiro. Já na quarta-feira (3), enfrenta o Colo-Colo pela semifinal da Libertadores. No jogo de ida, no Chile, o alviverde venceu por 2 a 0.

Esporte