PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Diretor aceita pedido por Carille, não crava Jair e deixa futuro aberto

Siga o UOL Esporte no

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

25/11/2018 22h42

O diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, disse na noite deste domingo que o técnico Jair Ventura irá comandar o time alvinegro contra o Grêmio, na última rodada do Brasileirão. O dirigente, porém, não cravou a permanência do técnico em 2019 e evitou falar sobre o futuro. Ele ainda disse entender o apelo da torcida pela volta de Fábio Carille.

"Tudo segue normal como está hoje. Ele comanda o time contra o Grêmio. Foi uma semana de muita especulação, a gente entende, porque o Corinthians não faz um bom campeonato. Hoje também não fez um grande jogo, mas o Jair continua, ele tem contrato e faz o jogo contra o Grêmio", afirmou Duílio após o empate sem gols do Corinthians com a Chapecoense.

"Ele continua, temos um jogo importante contra o Grêmio. Se houver alguma mudança, a gente vai ver posteriormente. Por enquanto não tem nada previsto", completou o diretor de futebol alvinegro.

Duílio ainda falou sobre as especulações sobre um possível retorno de Carille. O dirigente disse que entende o clamor dos torcedores corintianos pela volta do técnico campeão brasileiro em 2017 e bi paulista em 2017 e 2018, pois o Corinthians faz uma campanha ruim no Campeonato Brasileiro.

"O Fábio fez um grande trabalho no Corinthians, conquistou três títulos. A gente entende que sempre que o time estiver num mau momento é um treinador que sempre será pedido, como foi o Tite. A gente entende que faz parte", frisou Duílio.

Jair já comandou o Corinthians em 18 jogos e tem aproveitamento de apenas 33%. O treinador disse depois da partida que a responsabilidade sempre cai nas costas do treinador e disse que a permanência não depende dele.

Com o empate, o Corinthians escapou matematicamente do rebaixamento. O time soma 44 pontos no Brasileirão e ocupa a 12ª posição.

O time do técnico Jair Ventura só pode ser ultrapassado por mais quatro times até o fim do campeonato - no pior cenário, terminaria em 16º lugar (isso porque Ceará e Vasco se enfrentam na última rodada). O Corinthians volta a campo no próximo domingo para enfrentar o Grêmio em Porto Alegre, na despedida do Brasileirão 2018. 

Esporte