PUBLICIDADE
Topo

Esporte

São Paulo celebra sucesso do "humilde e trabalhador" Bruno Alves

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em São Paulo

27/10/2018 04h00

Entre nomes mais badalados, Bruno Alves vai se firmando como o zagueiro mais regular do São Paulo no Campeonato Brasileiro. Ele participou de 22 dos 31 jogos da equipe na competição e marcou dois gols decisivos: na primeira rodada, contra o Paraná Clube, e na última sexta-feira, assegurando triunfo por 1 a 0 sobre o Vitória, no Barradão.

"Eu já estava voltando para marcar, no instinto de zagueiro, quando vi que tinha a chance de finalizar e fui feliz em fazer o gol. Trabalhamos muito as bolas aéreas no último treino e o professor (Diego Aguirre) pediu que os zagueiros ficassem na área mesmo", vibrou o defensor, em entrevista à ESPN Brasil. 

O bom momento faz com que todos no clube mostrem satisfação. De riso fácil e trabalho sério, Bruno conquistou a confiança da comissão técnica de Diego Aguirre e tem deixado para trás a concorrência pesada de Rodrigo Caio, por exemplo. Anderson Martins, outro medalhão, e que há poucas partidas era titular incontestável, também foi superado. Hoje, a dupla titular é formada com Robert Arboleda.

"Nós temos zagueiros muito bons. Bruno, Arboleda, Rodrigo e Anderson. Bruno foi o escolhido, fez gol e está em um momento excelente. Merece o que aconteceu hoje (sexta) pelo que faz, pelo que trabalha, sempre sério e com muito esforço", destacou Aguirre.

Essa foi a segunda partida consecutiva de Bruno como titular ao lado de Arboleda. Nos três jogos anteriores, formou dupla com Anderson Martins e o sistema defensivo apresentou muitas falhas. Com a nova parceria promovida pelo técnico uruguaio, já são dois confrontos sem gols sofridos. Além disso, Bruno e Arboleda estão invictos juntos no Brasileirão: dez rodadas, com cinco vitórias, cinco empates e apenas sete tentos tomados.

"Me sinto orgulhoso de jogar com o Bruno. Ele merece. É um cara muito humilde, que trabalha pra caramba. Que Deus abençoe ele sempre. A zaga precisa de concentração e esteve impecável contra o Vitória, em mais um jogo sem tomar gols. É muito difícil (a concorrência). São quatro bons jogadores brigando por dois postos. Todos trabalham com humildade e, jogue quem jogue, estamos torcendo um pelo outro", destacou o equatoriano Arboleda.

Esporte