PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Renato cobra foco de reservas do Grêmio após derrota: "A bola pune"

Do UOL, em Porto Alegre

27/10/2018 19h18

As palavras duras de Kannemann, Paulo Victor e Douglas foram seguidas por Renato Gaúcho. Depois da derrota por 4 a 3 para o Sport, o treinador do Grêmio disse que faltou concentração e afirmou que 'quase todos' os gols da equipe pernambucana saíram após falhas de seu time.

Jair, duas vezes, Matheus e Gabriel fizeram os gols do Sport. Matheus Henrique, Juninho Capixaba e Thonny Anderson marcaram para o Grêmio.

"Faltou um pouco de concentração… Juntando com os gols infantis que tomamos. Falo para vocês e para eles: a bola pune. Demos mole e o Sport venceu uma partida que a gente precisava ganhar", disse Renato Portaluppi.

Mesmo com time reserva, de olho no segundo jogo da semifinal da Libertadores diante do River Plate, o Grêmio contava com a vitória neste sábado (27). Os três pontos eram esperados para manter o clube na briga por vaga direta à fase de grupos do torneio sul-americano.

"Perder com o adversário jogando bem, com qualidade, é uma coisa. Assim, desse jeito, não pode. Nós tínhamos um jogo agora, era um passo e um degrau que tínhamos que subir. A gente precisa se garantir nos dois lados e infelizmente não tivemos o foco necessário e tomamos quatro gols… Eu não me lembro de o Grêmio ter tomado quatro gols. E basicamente todos em falhas nossas", comentou Renato.

No primeiro tempo, o Sport chegou a abrir 2 a 0. Matheus Henrique descontou perto do intervalo e a etapa final teve quatro gols em intervalo de 10 minutos. O Grêmio empatou por duas vezes, mas no fim falhou defensivamente e perdeu.

"Sempre aprendo muito com as vitórias e derrotas. O que mais cobro é foco e concentração. O jogador tem que estar concentrado no que está fazendo desde o início. Já dei inúmeros exemplos sobre quando cochilamos. Terça isso é fundamental. A concentração tem que ser total, foco total. Tem que estar ligado, ligadíssimo. Qualquer descuido pode ser fatal. O maior exemplo que dou a eles: não tem nenhum pai que leva o filho de um ano ao shopping e dá as costas. Se fizer isso, se der as costas, alguma coisa de ruim vai acontecer. No futebol também é assim", sentenciou Renato Gaúcho.

O Grêmio volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro no dia 4 de novembro, quando visita o Atlético-MG. Antes, a equipe recebe o River Plate podendo até empatar para ir à final da Libertadores.

Esporte