PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Cinco meses após troca, Sasha e Zeca não atingiram metas de Inter e Santos

Há um mês fora do time titular, Zeca não conseguiu protagonismo no Inter - Ricardo Duarte/Inter
Há um mês fora do time titular, Zeca não conseguiu protagonismo no Inter Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha e Samir Carvalho

Do UOL, em Porto Alegre (RS) e Santos (SP)

22/10/2018 04h00

Cinco meses se passaram da troca entre Santos e Internacional envolvendo os jogadores Zeca e Sasha. E o tempo se encarregou de deixar ambos na mesma situação. Longe da titularidade, os dois encaram períodos em baixa e não começam em campo o duelo desta segunda-feira (22) às 20h (de Brasília) no Beira-Rio.

Zeca vinha de um longo período afastado. Em litígio com o Santos, ele ficou os seis primeiros meses do ano sem atuar. Treinou isolado, procurou manter-se em forma, mas logo de cara sentiu os efeitos da falta de ritmo.

Sofreu com lesão muscular, oscilou, entrou e saiu do time. Aos poucos ainda viu crescer o rendimento de Fabiano, emprestado pelo Palmeiras. A consequência natural foi perder o lugar no time e a condição de protagonista esperada na batalha por sua contratação.

Fabiano melhorou o rendimento da equipe principalmente na fase defensiva, e no campo conquistou seu lugar. Hoje Zeca é figura frequente no banco de reservas, mas não está entre os cotados para jogar com regularidade.

Ao todo, Zeca disputou 17 partidas pelo Inter, a última como titular há um mês.

Sasha - Divulgação/Santos - Divulgação/Santos
Imagem: Divulgação/Santos
Sasha, por sua vez, teve início avassalador com a camisa do Santos no Campeonato Paulista e chegou a ser o artilheiro do time na temporada. Com seis gols, foi considerado a melhor contratação do alvinegro praiano do ano, superando até Gabigol, o reforço mais caro e que custa R$ 600 mil por mês.

No entanto, após o Santos sacramentar a troca por Zeca com o Inter, o camisa 27 caiu de rendimento e amargou um jejum de 18 jogos sem marcar gols.

Foram quase cinco meses sem balançar as redes. Sasha marcou gol na segunda semifinal do Campeonato Paulista, contra o Palmeiras, em 27 de março. Depois, ele só voltou a fazer um gol na vitória por 3 a 0 sobre o Sport em 18 de agosto, pelo Campeonato Brasileiro.

Neste período, Sasha desfalcou o Santos por duas semanas devido a uma lesão no músculo posterior da coxa esquerda.

Sasha despencou de vez após a chegada do técnico Cuca, quando virou reserva no Santos. Nos últimos sete jogos, ele só foi titular uma vez, na vitória por 1 a 0 contra o Atlético-PR, no último dia 30. Neste período, o camisa 27 foi reserva contra: Paraná, São Paulo, Cruzeiro, Vasco, Vitória e Corinthians (na sequência). Na maioria dos jogos, sequer entrou, só contra o Corinthians, já nos acréscimos. O ex-atacante do Inter soma 43 jogos, são sete gols, média de 0,16 gols.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL X SANTOS
Data e hora
: 22/10/2018 (Segunda-feira), às 20h (Brasília)
Local: estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: Sportv e PPV
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo e Sidmar dos Santos Meurer (ambos de MG)
INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Fabiano, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado (Charles), Patrick, Edenílson, D'Alessandro e Nico López; Leandro Damião (Jonatan Alvez).
Técnico: Odair Hellmann
SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique, Dodô; Alison, Diego Pituca e Carlos Sánchez; Bruno Henrique (Derlis González), Gabigol e Rodrygo.
Técnico: Cuca

Esporte