PUBLICIDADE
Topo

Esporte

T. Neves volta a falar de ameaça após provocações: "deixem minha família"

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em Belo Horizonte

21/10/2018 21h31

Autor de um golaço na vitória do Cruzeiro por 3 a 0 diante da Chapecoense, o feito do meia Thiago Neves não foi o único assunto abordado com o jogador no final da partida deste domingo. O jogador também comentou sobre as ameaças recebidas após fazer provocações ao rival Atlético depois que o Cruzeiro sagrou-se hexacampeão da Copa do Brasil.

"Agressões, nenhuma, mas recebi muitas ameaças. De formar grupo em frente à escola do meu filho. Meu filho de dois anos, é brincadeira. Mas graças a Deus não aconteceu nada, muitos atleticanos também falaram comigo que vão fazer o possível para que nada aconteça. É como eu falei, é zoação. Espero que não aconteça, que deixem minha família em paz", comentou o meia.

Pela rede social, Thiago já havia pedido desculpas pelas declarações feitas durante a comemoração do título do Cruzeiro na última quarta-feira. Agora, o meia quer colocar um ponto final no assunto.

"O torcedor ficou chateado, sim, mas entendeu. Fizeram a mesma coisa quando ganharam e vão fazer quando ganharem também. Mas não vai ser preciso ir na justiça nem nada disso", acrescentou.

Sobre o jogo, Thiago comemorou o gol marcado de fora da área. O meia costuma se dar bem em cobranças de faltas, mas já estava com saudade de marcar em um chute de longe e com a bola rolando.

"Até estavam me cobrando esse chute de fora. Felizmente, pude pegar bem na bola. Fico feliz pelo gol e pela vitória. Importante, o time precisava subir na tabela, ainda mais depois do título. Está todo mundo de parabéns, o time e a torcida", concluiu.

Esporte